Felipe Neto devolve R$ 1.200 após ter o nome incluído no auxílio emergencial

- Publicidade -

O nome de Felipe Neto foi inscrito indevidamente como beneficiário do auxílio emergencial de R$ 600. Entretanto, é evidente que o YouTube não se enquadraria nos pré-requisitos do programa para receber o auxílio do governo federal. Dessa forma, ele devolveu R$ 1.200, o equivalente a duas parcelas do benefício ao Ministério da Cidadania ontem (31).

É provável que você também goste:

SPC, Serasa e cartórios precisarão esperar 45 dias para negativar inadimplentes

Confira 5 dicas certeiras para ser aprovado no cartão de crédito do Nubank em 2020

Inscritos no Bolsa Família e CadÚnico conseguem cursos grátis, empregos e empréstimos em App

Felipe Neto devolve R$ 1.200 após ter o nome incluído no auxílio emergencial

Por meio de sua assessoria de imprensa, foi emitida uma nota esclarecendo que o pedido não foi feito pelo Felipe Neto, mas por algum terceiro:

- Publicidade -

“A assessoria de Felipe Neto esclarece que, por óbvio, o pedido de inclusão de tal benefício não foi feito pelo próprio ou por qualquer pessoa por ele autorizada, mas sim por um terceiro. Ainda não há conhecimento se a intenção era realizar algum tipo de fraude ou apenas mais uma tentativa de jogá-lo contra a opinião pública.”

“Porém, uma vez ciente do ocorrido, a equipe jurídica de Felipe Neto adotará todas as medidas necessárias e cabíveis para cancelar o cadastro e, caso tenha havido algum repasse, devolver imediatamente a quantia. Além disso, os advogados providenciarão, junto ao administrador do sistema, a identificação do responsável para que o mesmo responda judicialmente”, completa a resposta da assessoria de imprensa do youtuber.

Portanto, o cadastro de Felipe Neto como beneficiário do auxílio emergencial será devidamente cancelado, e com isso, meios legais serão adotados para tentar localizar o responsável pela fraude. A intenção é processar os envolvidos.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

- Publicidade -
Eduardo Mendeshttps://seucreditodigital.com.br/author/mendes/
Sou um entusiasta da tecnologia, que também aprecia inovação, empreendedorismo, além de Fintechs e as suas facilidades. Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Co-Fundador do site Seu Crédito Digital.
- Publicidade -

Últimas Notícias

FGTS pode liberar duas novas modalidades de saque em breve (saque-educação e saúde)

Está prestes a ser votado em Plenário um projeto que cria mais duas novas modalidades de saque no FGTS (Fundo de Garantia do Tempo...

SPC/Serasa e Boa Vista são obrigados a retirar negativação após 5 anos?

Atualmente, existem 4 birôs de credito aqui no Brasil: SPC Brasil, Serasa Experian, Boa Vista e Quod. Cada um deles possui um banco de...

Nexoos lança aplicativo gratuito para investidores individuais (P2P)

A partir de agora, os investidores individuais (P2P) da Nexoos, a maior fintech de crédito para empresas, autorizada pelo BACEN como Instituição Financeira SEP, contam com...

Beneficiários do Bolsa Família vão ganhar o décimo terceiro e não falta muito, confira as datas

Há um tempo atrás, o pagamento do décimo terceiro para beneficiários do Bolsa Família foi confirmado pelo governo. Isso foi prometido em junho deste...
- Publicidade -