A Gol anunciou que vai reduzir sua malha aérea entre 50% e 60%. A diminuição das atividades totais até meados de junho deve atingir entre 60% e 70%, de acordo com comunicado da empresa. Além disso, a companhia afirma que está flexibilizando políticas de remarcação e cancelamentos. Enfim, isso vale tanto para voos internacionais quanto para os nacionais.

É provável que você também goste:

URGENTE: Avianca entra com pedido de recuperação judicial por conta do coronavírus

Gol flexibiliza remarcação e CANCELA voos internacionais até final de junho

Gol cancela voos internacionais

Primeiramente, a Gol também que vai suspender todas as operações internacionais entre a próxima segunda-feira (23) e o dia 30 de junho. Enfim, a empresa trabalha com voos entre o Brasil e 11 países. São eles: Argentina, Bolívia, Chile, Equador, Estados Unidos, México, Paraguai, Peru, República Dominicana, Suriname e Uruguai.

As orientações foram direcionadas especificamente para passagens marcadas até o dia 14 de maio. Portanto, quem possui passagens marcadas, provavelmente tenha recebido um e-mail. Ademais, se voce não recebeu, vá diretamente no site da Gol e faça a opção mais adequada, de acordo com a sua situação.

Para essas passagens, as opções disponíveis são:

  • Cancelamento e crédito para uso até um ano a partir da data de compra do bilhete;
  • Remarcação para qualquer período dentro de 330 dias a partir da data de compra;
  • Por fim, cancelamento e reembolso, em que não há taxa de cancelamento, mas pode existir cobrança de taxa de reembolso a depender da regra da tarifa escolhida.

Enfim, confira logo a seguir a relação de voos internacionais que serão cancelados pela Gol e quando a suspensão entrar em vigor:

Argentina

  • Rio(Galeão)-Córdoba: voo 7613 – última operação – 22/3
  • Rio(Galeão)-Rosário: voo 7617 – última operação – 22/3
  • Rio(Galeão)-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 20/3
  • Guarulhos-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 21/3
  • Guarulhos-Mendoza: última operação 19/3
  • Recife-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 14/3
  • Natal (NAT)-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 16/3
  • Salvador-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 14/3
  • Fortaleza-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 14/3

Bolívia

  • Guarulhos-Santa Cruz de La Sierra: última operação 19/3

Chile

  • Guarulhos-Santiago: diurno (voos 7660 e 7663): última operação 20/3
  • Guarulhos-Santiago: voo 7662 – última operação 20/3; e voo 7661 – última operação 21/3
  • Santiago-Guarulhos: última operação 21/3 Recife-Santiago: última operação 14/3

Equador

  • Guarulhos-Quito: última operação 15/3.

Estados Unidos

  • Brasília-Orlando: última operação 20/3
  • Fortaleza-Orlando: última operação 20/3
  • Manaus-Orlando: última operação 14/3
  • Brasília-Miami: última operação 19/3

México

  • Brasília-Cancún: última operação 20/3

Paraguai

  • Assunção-Guarulhos: última operação 20/3

Peru

  • Guarulhos-Lima: última operação 15/3

República Dominicana

  • Guarulhos-Punta Cana: última operação 21/3

Suriname

  • Belém-Paramaribo: última operação 07/3

Uruguai

  • Recife-Montevidéu: última operação 21/3
  • Guarulhos-Montevidéu: voo 7632 – última operação 20/03; e voo 7727 – última operação 21/3
  • Guarulhos-Montevidéu: voos 7630 e 7631 – última operação 21/3
  • Rio(Galeão)-Montevidéu: última operação 19/3

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem: Thiago B Trevisan via shutterstock