Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Governo vai pagar 2 salários mínimos para trabalhadores atingidos por enchente; saiba mais

O governo anunciou auxílio emergencial para trabalhadores do RS afetados por enchentes. Confira para saber mais!

Durante uma recente visita ao Rio Grande do Sul, o Ministro do Trabalho, Luiz Marinho, trouxe um alívio significativo para trabalhadores e empresas da região, severamente afetada pelas enchentes. Marinho anunciou uma nova medida emergencial, que promete duas parcelas de um salário mínimo para os colaboradores de empresas atingidas.

Esta ação visa preservar empregos e impactará positivamente até 434 mil funcionários. No entanto, há uma condição importante: as empresas beneficiadas não poderão realizar demissões pelo período de dois meses.

Com essa estratégia, assegura-se quatro meses de trabalho efetivo para os empregados envolvidos, proporcionando um ambiente de estabilidade enquanto a região se recupera do desastre.

Como funcionará o auxílio aos trabalhadores e quem irá receber?

bandeira do Rio Grande do Sul
Imagem: Studio Maya / Shutterstock.com

A partir de julho, o governo federal dará início ao pagamento da primeira parcela da ajuda financeira emergencial, no valor de R$ 1.412, aos trabalhadores formais no Rio Grande do Sul. Esta medida beneficiará:

  • 326 mil empregados celetistas;
  • 42 mil trabalhadores domésticos;
  • 36 mil estagiários;
  • 27 mil pescadores artesanais.

A saber, o valor total do auxílio é de R$ 1 bilhão, que será liberado em um novo crédito extraordinário.

Qual o impacto das ações governamentais na região afetada pela enchente?

Durante a divulgação, o ministro enfatizou a importância da colaboração entre governos estaduais, municipais e o setor empresarial. Ele destacou que, ao contrário de períodos de isolamento característicos da pandemia, o momento atual requer esforços conjuntos para a reconstrução das cidades e negócios afetados.

Marinho apelou pela solidariedade e entendimento dos empresários para com essa necessidade coletiva de recuperação. Além disso, o Ministro da Reconstrução do RS, Paulo Pimenta, também compartilhou testemunhos de empresários locais, enfatizando a angústia em manter as operações enquanto lidam com as consequências das enchentes.

Outras medidas de apoio anunciadas

Adicionalmente, o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou uma medida provisória que estabelece o benefício e anuncia atualizações significativas no Auxílio Reconstrução.

Veja também:

Às pressas, Anvisa manda retirar 9 cafés contaminados até com vidro

Este auxílio inclui um voucher de R$ 5,1 mil destinado a famílias diretamente afetadas pelas enchentes, ampliando o alcance das intervenções governamentais para aliviar a situação de crise. 

Imagem: Leonidas Santana / Shutterstock.com