Os grandes bancos de varejo irão promover, na primeira semana de dezembro, um mutirão de renegociação de dívidas com descontos de até 90%. A medida faz parte de uma das ações previstas em acordo firmado com o Banco Central para promover a educação financeira no país.

É provável que você também goste:

Todos brasileiros precisam fazer cadastro no SUS porque a verba será definida pelo número de cadastros?

BB, Caixa e Santander divulgam condições de mutirão de renegociação de dívidas com descontos de até 92%.

Banco BS2 Flamengo vai sortear 150 camisetas do clube.

Maiores bancos do país vão dar desconto de até 90% da dívida em mutirão do crédito

Portanto, Caixa, Banco do Brasil (BB), Itaú Unibanco, Bradesco, Santander, e Banrisul contarão com 261 agências abertas até às 20h, entre os dias 2 e 6 do próximo mês, para essa finalidade. As agências dessas instituições que irão manter o horário normal de atendimento também farão o atendimento de renegociações das dívidas.

Canais digitais

As ofertas de renegociações também estarão disponíveis nos canais digitais dos bancos.

Educação financeira

Os clientes que procurarem essas instituições financeiras para renegociar suas dívidas terão que assistir um vídeo e receberão um folheto com dicas para melhorar a gestão de suas finanças.

Acordo com o Bacen

O acordo de cooperação assinado ontem (21) pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e pelo Banco Central não traça metas específicas de redução do endividamento. Não estabelece também condições mínimas para a oferta que será feita pelos bancos.

“Cada banco tem suas ofertas, que vão desde parcelamento a descontos e troca por dívida mais vantajosa aos clientes”, afirmou o diretor de autorregulação e relações com clientes da Febraban, Amaury Oliva. “Há compromisso dos bancos em oferecer propostas melhores.”

Bancos não definiram ainda o desconto de dívida em atraso

Contudo, os bancos ainda não fecharam as condições que irão oferecer, mas o que se sabe é que os descontos devem chegar a 90%. O Santander, por exemplo, poderá chegar a esse desconto nas dívidas com atraso acima de 60 dias, dependendo da situação. Além disso, o banco promoverá cortes de até 20% nas taxas cobradas de clientes com atraso inferior a 60 dias.

Considerações Finais

Portanto, se você está com dívidas em atraso, se prepare para pagá-las e começar 2020 com menos preocupações. Até porque ter dívidas é uma dor de cabeça muito grande, o que acarreta negativamente até na sua saúde.

Enfim, gostou da matéria sobre os maiores bancos estarem dando desconto de dívida em atraso?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem: Shutterstock.com.