O Banco Central anunciou que está em fase de desenvolvimento a a opção de saque em estabelecimentos comerciais pelo Pix. O sistema será implementado em novembro deste ano e vai permitir que tanto pessoas físicas como jurídicas façam transferências e pagamentos de forma instantânea em qualquer dia e horário, incluindo fim de semana e feriados.

iFood Facilita: conheça o cartão e a conta digital do iFood, que não cobra anuidade

Vale a pena o crédito imobiliário do Itaú Unibanco, atrelado ao rendimento da poupança?

Saiba como solicitar cartão de crédito online da Lojas Americanas.

Brasileiros poderão fazer saques em padarias, supermercados e outros estabelecimentos comerciais pelo Pix

Confira o tweet do BC:

O Banco Central ainda continuou a postagem dizendo que “a possibilidade de sacar em estabelecimentos comerciais vai dar mais opções de saque para toda a população, independentemente da instituição na qual os cidadãos possua conta, além de trazer mais conveniência e capilaridade ao serviço.”

Segundo o Banco Central, essa funcionalidade estará disponível no segundo trimestre do ano que vem.

Sobre o Pix

O Pix é o pagamento instantâneo do Banco Central e vai permitir que as transações sejam feitas em tempo real, ou seja, o valor é imediatamente transferido para o recebedor, seja pessoa física ou pessoa jurídica.

Atualmente, os brasileiros fazem transferências entre contas bancárias através de TEDs e DOCs. Já os pagamentos de contas são feitos por boletos, transações físicas, cartões e até dinheiro vivo. No entanto, essas operações eletrônicas podem levar dias, sendo que ainda podem ser caras. Portanto, a partir do dia 3 de novembro deste ano, os brasileiros poderão contar com mais uma alternativa para realizar essas transferências e pagamento.

O Pix então vai funcionar 24 horas por dia, 7 dias da semana e em todos os dias do ano. As transações vão demorar no máximo 10 segundos.

Além disso, as transações serão feitas sem intermediação de terceiro, pois o dinheiro vai sair diretamente para a conta de quem receberá os valores.

Se você gostou da matéria, curta o nosso canal no YouTube e siga as nossas redes sociais como FacebookTwitter Instagram.

Imagem: BC/Twitter.

Sobre o Autor

Luiz Felipe Kessler

Cofundador

Entusiasta de fintechs e tudo o que a tecnologia proporciona de facilidades em nossas vidas. Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. CoFundador do site Seu Crédito Digital.

Ver todos os artigos