O Nubank divulgou nesta sexta-feira (29), o balanço financeiro referente ao ano de 2018. A receita mais do que dobrou na comparação com o outro ano (2017). Ou seja, aumentou de R$ 567,3 milhões para R$ 1,23 bilhão. O prejuízo líquido continua existindo. Embora que proporcionalmente ele obtenha uma melhora de 14,3% ao ano, é preocupante principalmente para aquelas pessoas que olham com certa desconfiança para uma fintech.

É provável que você também goste:

Nubank e Santander estão dando cartões de crédito sem anuidade e sem consulta ao SPC e Serasa pelo WhatsApp?

NuConta agora permite transferência via contato telefônico de seu celular, entenda.

Afinal, será que vale a pena fazer o crediário no cartão de crédito?

Nubank: 100,3 milhões de prejuízo em 2018, o seu dinheiro está seguro na NuConta?

Mesmo sendo deficitário, o Nubank demonstra resultados impressionantes. Como por exemplo o número total de clientes que chegou aos 6 milhões, incluindo 3 milhões somente na NuConta. Ademais, o valor total de depósitos na conta digital do Nubank chegou aos R$ 2,43 milhões.

No ano passado, o valor de mercado do Nubank chegou a US$ 4 bilhões, depois de um aporte da empresa chinesa Tencent. A soma dos investimentos chega a US$ 420 milhões.

É normal que o Nubank tenha prejuízo?

É normal que as fintechs tenham prejuízos, ainda mais nos primeiros anos de funcionamento. Isso acontece porque é necessário ganhar uma larga escala. Muito provavelmente vai demorar mais uns cinco anos para o Nubank comece a gerar lucro significativamente.

Desde o ano de 2013, o Nubank é uma proposta que transformou os brasileiros. Desde então, inúmeros cartões de crédito sem anuidade têm surgido a cada ano. Tanto que os bancos tradicionais preocuparam-se com isso e lançaram as suas modalidades em concorrência com o Nubank e com as demais fintechs.

E meu dinheiro está seguro na NuConta?

O Nubank possui uma conta de pagamentos chamada NuConta. Entretanto, inicialmente, ela não possuia a garantia do Fundo Garantidor de Créditos, que garante o ressarcimento de até R$ 250 mil reais no caso de falência de um banco, por exemplo. Ou seja, o FGC funciona como uma espécie de seguro dos bancos.

Contudo, como a NuConta é uma conta de pagamento, ela não funciona como um banco. Inclusive elas possuem regras distintas que garantem a proteção do seu dinheiro. Todo o dinheiro depositado lá é aplicado em títulos públicos federais, rendendo acima da poupança.

Entretanto, o Nubank representado pela Nu Financeira S/A, mais recentemente passou a ser associado pelo Fundo Garantidor de Créditos. Portanto, você não tem mais com o que se preocupar. Ou seja, independente da garantia, seja pelo fato de uma conta de pagamentos investir seu dinheiro em Títulos do Governo ou ainda pelo FGC, você tem a garantia de receber o seu dinheiro de volta caso algo grave aconteça com a instituição. E tudo indica que isso não vai acontecer.

Enfim, gostou da notícia?

Então nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Acompanhe nossos artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao mundo das fintechs.