Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Projeto de lei que libera de graça a 2° via da carteira de identidade é aprovado; saiba mais

Projeto de lei aprova gratuidade para 2ª via da identidade. Leia mais e informe-se sobre como obter a sua agora mesmo!

No avançar das políticas de suporte aos cidadãos idosos, uma nova proposta legislativa visa ampliar as condições de benefício para os mais vulneráveis. Trata-se do Projeto de Lei 526/2021, idealizado pela ex-senadora Nilda Gondim e atualmente sob deliberação nas comissões competentes do Senado. Este projeto visa facilitar a vida dos idosos em situação de pobreza.

O Projeto de Lei propõe conceder gratuidade na emissão da segunda via da carteira de identidade para idosos que se declaram pobres, ampliando um benefício que até então era restrito à primeira via. O senador Paulo Paim, relator do projeto na Comissão de Direitos Humanos, argumenta que essa medida é crucial para proteger os direitos e atender às necessidades básicas da população idosa.

Qual a importância da gratuidade da segunda via para idosos?

Vários exemplares de RG sobrepostos em fila e desfocados. projeto de lei
Imagem: Arquivo/Agência Brasil

A isenção de taxa para a segunda via da carteira de identidade beneficia significativamente os idosos, muitos dos quais enfrentam desafios de mobilidade e vulnerabilidade social. Esta medida não apenas elimina um custo financeiro adicional, mas também simplifica o processo burocrático para aqueles que já passaram pelo transtorno de perder ou ter seus documentos roubados.

Para solicitar a isenção na taxa da segunda via da identidade, o idoso deverá apresentar um boletim de ocorrência que detalhe o extravio, roubo ou furto do documento. Além disso, o próprio solicitante precisa fazer uma declaração de pobreza, sem precisar de um interventor.Esse processo visa assegurar que a ajuda chegue efetivamente àqueles que mais precisam.

Contexto legislativo do Projeto de Lei

O PL 526/2021 foi aprovado pela Comissão de Direitos Humanos e agora avança para análise nas Comissões de Constituição e Justiça e de Assuntos Econômicos. Assim, ele tramitou com o PL 2.213/2021, que buscava a gratuidade na emissão de segunda via de documentos pessoais para idosos, independentemente de sua condição financeira.

Veja também:

INSS disponibiliza 100 vagas para atendimento extraordinário do BPC neste sábado (6)

Paulo Paim ressaltou a importância de implementar medidas que, além de apoiarem os idosos, também respeitem a situação econômica atual do Brasil. Ele argumentou que muitos idosos têm condições de pagar pelo documento, mas é essencial garantir o suporte àqueles em condição de vulnerabilidade evidente. Com essa seleção criteriosa, espera-se um impacto mais efetivo e direcionado da legislação.

Imagem: Arquivo/Agência Brasil