Não somente as pessoas físicas podem serem beneficiadas com as novas contas de bancos digitais de poucas tarifas. Atualmente, os melhores bancos digitais também oferecem contas para pessoas jurídicas, e aqui vamos analisar duas fintechs que oferecem excelentes opções de conta digital para MEI (microempreendedor individual) e autônomos: o Banco Inter e o Nubank, com a sua NuConta. Afinal, qual das duas é a melhor conta digital para MEI?

É provável que você também goste:

Black Friday: Procon-SP divulga lista de sites fraudulentos para evitar

Conheça o Juro Zero do SEBRAE: crédito para MEI de até R$ 20 mil

Hora de investir? Banco Central vai dobrar microcrédito para MEIs

Semelhanças entre as contas do Banco Inter e Nubank

Ambas as contas digitais não têm mensalidades para o Microempreendedor individual ou profissional autônomo. Além disso, as duas possuem conta para pessoa física e cartão de crédito sem anuidade, mas esse cartão é voltado apenas para pessoa física, e não para o seu CNPJ. A pessoa jurídica tem um cartão de débito, que é fornecido gratuitamente, tanto no caso do Banco Inter quanto na NuConta.

As TEDs (transferências) também são gratuitas em ambas as contas, mas o Banco Inter limita a 100 TEDs por mês, enquanto que no caso da NuConta as transferências grátis são ilimitadas.

Nos dois casos, os depósitos podem serem feitas por transferência ou por boleto. Ou seja, em ambas as contas você pode gerar um boleto para que você mesmo deposite dinheiro na sua própria conta, ou mesmo para cobrar seus clientes. No entanto, o banco Inter limita a gratuidade apenas dos 100 primeiros boletos, enquanto que na NuConta os boletos são ilimitados e grátis. Além disso, ambos os bancos oferecem o envio e recebimento de pagamentos por QR Code sem nenhuma cobrança de tarifa.

Tanto a NuConta para MEI quanto a conta PJ do Banco Inter oferecem a possibilidade de fazer o pagamento de contas, boletos e tributos da sua empresa empresa sem nenhuma taxa adicional.

Por último, mas não menos importante, as duas contas são controladas totalmente pelo aplicativo e você pode conferir todas as movimentações bancárias da sua empresa via Internet Banking. Entretanto, os aplicativos funcionam de formas distintas, além de possuírem várias outras diferenças que veremos logo adiante.

NuConta: Melhor conta digital para MEI

Como vimos, ambos os bancos oferecem muitas vantagens, especialmente quando comparados aos bancos tradicionais, que trazem altas taxas de manutenção de conta, de TEDs e outros serviços. Todavia, as contas digitais do banco Inter e Nubank apresentam diferenças importantes, que podem fazer você escolher entre um ou outro para sua empresa.

No Nubank você acessa a conta PJ pelo mesmo app da NuConta para a conta de pessoa física. Futuramente, o Nubank pode vir a oferecer um app específico para a conta empresarial. No momento, a NuConta PJ está em fase de testes.

Você pode alternar entre as contas PF e PJ no próprio app Nubank, o mesmo em que você controla o cartão de crédito Nubank. Para saber em qual conta está logado, basta notar a diferença na cor de fundo do aplicativo. Na conta PF, o roxo é mais claro, já na conta PJ, a cor do aplicativo muda para um roxo mais escuro.

Outro detalhe é que o nome da empresa (como consta no CNPJ) aparece no cabeçalho do aplicativo, como você pode ver nas imagens da minha própria conta (abaixo).

NuConta PJ

Outra importante diferença, e que pode limitar alguns empreendedores a ter uma NuConta, é que a NuConta para empresas é voltada para o Microempreendedor Individual. Inicialmente a NuConta aceita empresas com apenas um sócio, ou seja, MEI, EI ou Eireli.

Além disso, o faturamento anual não pode passar os R$ 360 mil (equivalente à R$ 30 mil por mês). Como a NuConta é voltada para empresas menores, como MEI, você pode pagar sua DAS-SIMEI (Documento de Arrecadação do Simples Nacional) diretamente pelo app. Mas lembre-se: o saque na NuConta, incluindo a versão de conta jurídica, custa R$ 6,50 no Banco24Horas.

Como abrir uma NuConta jurídica

Se você ficou interessado em ter uma NuConta PJ, saiba que antes de mais nada você precisa ser um correntista da NuConta. Se você já é correntista, basta acessar este link e se cadastrar. Caso sua empresa se enquadre nos critérios definidos e você seja selecionado, você receberá um convite para finalizar a abertura da sua conta.

Banco Inter Empresas: Ideal para empresas maiores

O Banco Inter, por sua vez, dispõe de uma modalidade separada para a conta empresarial, permitindo a abertura de conta para qualquer empresa, não apenas para microempreendedores individuais.

Uma das vantagens da conta do Banco Inter para empresas é que com ela você tem a possibilidade de automatizar a folha de pagamento para seus funcionários. Outra vantagem é que na conta do Banco Inter você pode fazer download de extrato em arquivo PDF, OFX e CSV.

O banco Inter também disponibiliza uma maquininha de cartão de crédito: a maquininha Bin, com taxas exclusivas para cliente Banco Inter. Esta máquina tem convênio com as principais máquinas de cartão e, com ela, você pode receber pagamentos no crédito e no débito. Porém, é importante atentar-se para as taxas sobre as vendas. Enquanto a transação no débito paga uma taxa de 1,80%, o crédito à vista paga 2,0% e a antecipação automática custa uma taxa de 1,0% ao mês.

Embora o Banco Inter esteja aberto a empresas maiores, ele também cobra mais taxas. Conforme mencionado anteriormente, o Banco Inter limita as TEDs gratuitas em 100, bem como os boletos gratuitos também são limitados em 100.

Como abrir uma conta Banco Inter Empresas

Para abrir sua conta empresas do Banco Inter, basta acessar este link e preencher o cadastro de abertura da conta. Você também pode fazer isso pelo aplicativo, disponível para sistemas Android e iOS. Por meio do app, você também enviará seus documentos. Após isso, basta aguardar a análise do Banco Inter.

Então, qual a melhor conta digital para MEI na sua opinião?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.