Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Eleitores devem regularizar título de eleitor até AMANHÃ (6)

0

Quem não está em dia com suas obrigações eleitorais com tem só até AMANHÃ (dia 6) para regularizar o título de eleitor. Após esse prazo, quem estiver com pendências no documento não poderá votar nas eleições municipais de outubro, quando serão eleitos prefeitos e vereadores.

É provável que você também goste:

MPF pede esclarecimentos ao governo sobre dificuldades para liberar auxílio emergencial.

Como consultar o pagamento do BEm, benefício emergencial de até R$ 1.813 para trabalhadores com renda reduzida.

Caixa vai pagar atrasados de até R$ 3.600 do Auxílio Emergencial.

Além de não poder votar, quem tem o título de eleitor cancelado fica impossibilitado de tirar passaporte, assumir cargos públicos, fazer matrícula em universidades públicas, entre outras restrições. Além disso, estar com o título eleitoral cancelado pode dificultar o cadastro para acesso ao Auxílio Emergencial, embora seja possível fazer esse tipo de regularização.

Esse prazo também vale para jovens de 16 anos que votarão pela primeira vez e querem solicitar o documento.

Com o fim do prazo, o cadastro eleitoral será fechado e nenhuma alteração será permitida, somente a impressão da 2ª via do título de eleitor. Essa medida é necessária para que a Justiça Eleitoral possa saber quantos eleitores estão em dia com o documento e poderão votar.

Em 2019, 2,4 milhões de títulos foram cancelados porque os eleitores deixaram de votar e justificar ausência por três eleições seguidas. Vale lembrar que cada turno equivale a uma eleição diferente.

Como regularizar o título de eleitor

Para regularizar o título, o cidadão deve comparecer ao cartório eleitoral próximo à sua residência, preencher o Requerimento de Alistamento Eleitoral (RAE) e apresentar um documento oficial com foto. Além disso, será cobrada multa de R$ 3,51 por turno a que o eleitor deixou de comparecer. O prazo para fazer a solicitação termina no dia 6 de maio, último dia para emissão do título e alteração de domicílio eleitoral antes das eleições.

A situação de cada eleitor pode ser verificada no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O primeiro turno será realizado no dia 4 de outubro de 2020. Já o segundo turno, se houver, será no dia 25 de outubro.

Embora a pandemia do novo coronavírus esteja causando muitos transtornos, por enquanto o calendário dos procedimentos preparatórios das eleições está mantido.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem destacada: rafapress / Shutterstock.com

Comentários
Carregando...