Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Com Selic lá em cima, renda fixa se torna mais atrativa

Saiba mais sobre o movimento do mercado e veja onde investir neste momento

0

O cenário está positivo para quem quer investir em renda fixa. Apesar de ter sido deixada de lado pelos investidores nos últimos anos, o setor tem reconquistado seu espaço conforme a taxa básica de juros aumenta. Em 2021, a Selic começou em 2% ao ano, porém já foi elevada quatro vezes desde então, estando em 5,25% hoje.

E até o fim do ano, a expectativa no mercado é que a taxa fique em torno de 7,50% ao ano. Portanto, esse é o momento para investir. Para saber mais, continue lendo!

Com Selic lá em cima, renda fixa se torna mais atrativa. Veja onde investir

Dessa forma, é preciso entender, primeiro, por que o cenário é positivo. O primeiro ponto é que a alta dos juros engorda os rendimentos da renda fixa, tirando a atratividade da bolsa (renda variável). Com isso, de acordo com os cálculos da Anbima, os fundos de renda fixa tiveram a melhor performance da indústria em agosto, registrando 41 bilhões de reais em captação líquida.

Seja membro

Assim, dentro do segmento de renda fixa, os juros mais altos beneficiam principalmente os fundos que investem em títulos pós-fixados. Estes que são atrelados, geralmente, à Selic, ou à inflação – que pode fechar 2021 em 8%, segundo estimativa do mercado.

Vale dizer que, hoje, o fundos referenciados DI, que investem a maior parte de seu patrimônio em títulos públicos atrelados à Selic, são um dos mais atrativos. E justamente por isso, o produto é bastante procurado para construção da reserva de emergência. Esse fundos haviam ficado de lados quando a Selic estava em 2% ao ano, mas hoje, voltaram ao radar dos investidores.

Por fim, outras opções de investimentos são os fundos de debêntures incentivadas, os FIDCs (Fundos de Investimento em Direitos Creditórios), e até mesmo a renda fixa no exterior, em que a maior parte dos ganhos vem da variação cambial, e não da renda fixa propriamente dita. Quer saber mais? Confira os principais tipos de investimentos em Renda Fixa.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitterTwitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de créditoempréstimosfintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: rafastockbr / shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.