Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Restituição do Imposto de Renda: 2° lote vai liberar R$ 8,5 bilhões

Restituição do Imposto de Renda: 2° lote liberará R$ 8,5 bilhões. Confira as datas e veja se você está entre os beneficiados.

Desde a manhã de sexta-feira, 21 de junho, os contribuintes podem verificar a disponibilidade do segundo lote de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2024. Este lote inclui, não só as devoluções do ano corrente, mas também restituições residuais de anos anteriores.

Um total impressionante de mais de 5,7 milhões de contribuintes será beneficiado com o crédito bancário programado para o dia 28 de junho. O montante liberado alcança os RS 8,5 bilhões, concluindo assim um dos processos mais aguardados por cidadãos e cidadãs que prestam contas ao fisco.

Imposto de Renda: quem são os beneficiados neste lote?

Imagem de um celular deitado sobre cédulas de 100 reais e 50 reais. Na tela do celular, aparece o logotipo da Receita Federal, responsável pela cobrança do Imposto de Renda IR
Imagem: rafapress / Shutterstock.com

Dentre os contemplados, estão 140.360 idosos acima de 80 anos e mais de um milhão de contribuintes entre 60 e 79 anos, que, de acordo com a legislação tributária, têm prioridade na restituição. Além desses, 66.287 indivíduos com alguma deficiência física, mental ou moléstia grave e 459.444 profissionais do magistério também estão na lista prioritária devido à natureza de suas contribuições ou condições.

Para saber se você está entre os beneficiados do segundo lote de restituição do IRPF 2024, é necessário acessar o site oficial da Receita Federal. Após entrar na seção “Meu Imposto de Renda”, você poderá realizar uma “Consulta à Restituição”. O site oferece todas as instruções necessárias para que o contribuinte possa verificar sua situação de forma simplificada ou detalhada.

O que fazer se houver problemas com seu crédito bancário?

A restituição é paga diretamente na conta bancária informada na Declaração de Imposto de Renda, seja por meio de depósito direto ou por indicação de chave PIX.

Caso haja qualquer problema com o crédito da restituição, como conta bancária desativada, os valores ficarão disponíveis para resgate durante um ano no Banco do Brasil. Os contribuintes podem reagendar o crédito através do portal do Banco do Brasil ou contatando a central de relacionamento.

Se o período de um ano expirar, ainda é possível solicitar a restituição não resgatada através do Portal e-CAC, seguindo os procedimentos detalhados na seção “Meu Imposto de Renda”.

Facilidade no acesso a informações fiscais

Por fim, a Receita Federal também disponibiliza um aplicativo para tablets e smartphones, simplificando o acesso às informações sobre liberação das restituições e situação cadastral no CPF.

Veja também:

Idosos brasileiros podem receber PIX mínimo de R$ 600; saiba como!

Essas ferramentas são pensadas para facilitar o dia a dia do contribuinte, permitindo que esteja sempre atualizado em relação à sua situação fiscal.

Imagem: Alison Nunes Calazans / Shutterstock.com