Sacar dinheiro no Banco24Horas pelo Nubank e outras fintechs ficará mais barato. Os bancos digitais como Nubank e Banco Inter, em breve, terão acesso facilitado à rede de caixas eletrônicos Banco24Horas. Isso poderá gerar redução de custos para operações bancárias, como saques. Será criado um “hub” em conjunto com fintechs, bancos sociais e instituições de pagamento com a TecBan, detentora da rede nacional multibanco.

É provável que você também goste:

WhatsApp vai liberar função de enviar dinheiro dentro do aplicativo.

Gerente do Banco Brasil desvia R$ 1,2 milhão da conta de cliente.

Itaú e Bradesco vão cortar os juros no empréstimo pessoal e outras linhas de crédito.

Sacar dinheiro dinheiro no Banco24Horas pelo Nubank e outras fintechs ficará mais barato

“Com o hub digital, vai haver maior facilidade de interconexão e o custo de transação vai diminuir sensivelmente”, afirmou Tiago Aguiar, responsável pela área de novas plataformas da TecBan, à Reuters. Atualmente, no entanto, apenas as instituições controladoras da TecBan – Itaú Unibanco, Bradesco, Banco do Brasil, Santander Brasil, e Caixa Econômica Federal – têm conexão direta com o Banco24Horas.

Hoje, as demais instituições têm acesso a rede por meio da Cirrus, braço da Mastercard, mas pagam um valor unitário de até R$ 6,50 por um saque. Entretanto, cada uma das fintechs uma uma política diferente em relação à tarifa, que é até 80% maior do que o valor pago pelos grandes bancos.

Alguns bancos isentam o saque no Banco24Horas e outros repassam para o consumidor

Como sempre falamos aqui, o Banco Inter, por exemplo, isenta o saque dos clientes. Outro que isenta é o Banco Original. Já o Nubank repassa o custo para os clientes. Contudo, esses bancos ainda precisam manter com a Rede24Horas uma quantidade de dinheiro que seja equivalente ao montante de saques. Isso, sem dúvida, exige um custo bem alto de logística.

Quando entrará em vigor?

Até o final de 2019, o sistema deve entrar em vigor em toda a rede de 23 mil caixas eletrônicos distribuídos no país.

Quais bancos terão acesso?

Segundo Aguiar, dentre as instituições que devem fazer parte desse modelo estão os bancos digitais C6 Bank, Nubank, Banco Inter, Agibank e Banco Original. Ainda de acordo com Aguiar, a solução vai permitir que diferentes entidades conectadas à Tecban atuem como intermediários para ligar outras fintechs e instituições de pagamentos ao Banco24Horas.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.