Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Como é possível salvar cartão de crédito no iPhone de forma segura?

Os dados do usuário ficam completamente protegidos

0

Existe uma forma de salvar os dados de um cartão de crédito em um iPhone, de forma segura o bastante para que outros não consigam ter acesso.

Chaves do iCloud deixam os dados do usuário protegidos ao mesmo tempo em que continuam disponíveis no aplicativo Wallet, utilizado em compras por meio da aproximação.

É provável que você também goste:

Será que o Carrefour está dando iPhone 12 Pro para quem responder uma pesquisa pelo WhatsApp?

WhatsApp não dará mais suporte para aparelhos antigos da Samsung, Motorola, Sony e iPhone

Por qual motivo se deve salvar um cartão de crédito no iPhone

O iPhone tem certos recursos que permitem que o cartão do usuário seja salvo de maneira segura, com o nome e código de segurança listados e protegidos.

Quando configurado e salvo, é possível usar o cartão para realizar compras ao utilizar o Apple Pay, que exige autenticação digital, facial ou por meio de um código de segurança do celular.

Chaves do iCloud não permitem que outras pessoas possam acessar dados financeiros e senhas do usuário. Assim, as informações podem ser compartilhadas por meio de todos os dispositivos que ele possua. Contudo, para esta finalidade, é necessário fazer a ativação do recurso.

Como fazer ativação das chaves do iCloud

1- Em seu celular, o usuário deve abrir o aplicativo “Ajustes”;
2- Ele deverá clicar em seu nome, em seguida, “iCloud’’ e finalizar em “Chaves”;
3- É preciso clicar na chave ao lado de “Chaves do iCloud”, logo depois o recurso será ativado.

Após liberado, esse mecanismo vai salvar e criptografar os dados de todos os cartões de crédito que sejam colocados no aplicativo Wallet.

Como faz para salvar um cartão de crédito no iPhone

1- O usuário deve abrir o app Wallet;
2- Clicar no ícone de + para adicionar e depois em “Continuar”;
3- Escanear todos os dados do cartão com a câmera do seu celular ou clicar para inserir de forma manual. Após conferir se as informações estão corretas, é só confirmar;
4- Deve-se seguir o mesmo processo do terceiro passo com o cartão que deseja salvar no aparelho;
5- Depois de cadastrado, o Wallet fará uma verificação juntamente ao aplicativo do banco emissor ou por meio do SMS. O usuário deve seguir as orientações que forem fornecidas;
6- Após o procedimento, o banco vai confirmar a propriedade e o cartão se ativará no Apple Pay.

Assim que ativado, todos os dados estarão protegidos e criptografados nas Chaves do iCloud, enquanto o recurso se mantiver ativado.

Caso o usuário deseje realizar compras, é preciso aproximar o celular em máquinas que aceitam cartões por meio de aproximação e confirmar.

Assim, a autenticação pode sofrer variação de acordo com o dispositivo, por exemplo, nos iPhones com o botão Home, o processo utiliza o Touch ID, enquanto os que não possuem tal botão tem a autenticação realizada pelo Face ID.

Não importa qual seja o modelo do iPhone, os dados sempre vão estar protegidos nas Chaves do iCloud, sem permitir a entrada de bisbilhoteiros e hackers.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitterInstagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

Imagem: DenPhotos/shutterstock.com

- Publicidade -

Comentários
Carregando...