Quem fizer o Saque Emergencial do FGTS vai poder fazer o Saque-aniversário?

0

A partir do dia 29 de junho, começa a ser liberado o Saque Emergencial do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), com o teto de até R$ 1.045. No entanto, muitas pessoas estão na dúvida se essa nova liberação pode impedir o saque-aniversário, que está sendo liberado conforme mês de nascimento desde abril. Mas uma coisa não anula a outra, é possível sacar nas duas ocasiões.

É provável que você também goste:

Cartão de crédito do Banco Inter agora vai dar cashback em fatura paga em dia.

Governo atualiza normas para que aposentados façam a comprovação de vida do INSS

Projeto de lei suspende cobrança de empréstimo consignado

Quem se inscreveu para o saque-aniversário pode resgatar os R$ 1.045 do emergencial sem problemas. O que o saque no mês de aniversário impede é que o trabalhador pegue o saldo de seu FGTS no caso de demissão sem justa causa. Nesse caso, se a pessoa é demitida e tiver optado pelo benefício no aniversário, terá direito apenas à multa de 40% sobre o valor. Ou seja, se você não se encontra em um momento de estabilidade no seu emprego, o saque-aniversário pode não ser a melhor opção.

O Saque Emergencial começa a ser disponibilizado em 29 de junho para quem nasceu em janeiro e vai sendo pago até novembro, de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. A diferença entre o saque emergencial e o saque-aniversário é que o primeiro ocorre uma vez, enquanto o segundo é anual; além do valor, que no emergencial é de um salário mínimo; enquanto que no saque-aniversário é uma parcela do saldo. Os dois valem para contas ativas ou inativas.

Quem nasceu em janeiro, por exemplo, já conseguiu fazer o saque-aniversário e agora estará no primeiro grupo a sacar o valor emergencial. Quem nasceu mais para o final do ano, contudo, ainda pode realizar os dois saques. O Saque-aniversário, porém, depende da adesão do trabalhador, enquanto o Emergencial será liberado automaticamente por meio de uma poupança digital.

Calendário do Saque Emergencial 

O saque que começa a ser liberado esse mês para os trabalhadores com contas ativas ou inativas no FGTS também segue a ordem do mês de nascimento. Confira quando o seu valor estará disponível na poupança digital e quando poderá ser sacado em espécie ou transferido para outra conta.

  • janeiro: crédito na conta em 29 de junho, saque ou transferência em 25 de julho.
  • fevereiro: crédito na conta em 06 de julho, saque ou transferência em 08 de agosto.
  • março: crédito na conta em 13 de julho, saque ou transferência em 22 de agosto.
  • abril: crédito na conta em 20 de julho, saque ou transferência em 05 de setembro.
  • maio: crédito na conta em 27 de julho, saque ou transferência em 19 de setembro.
  • junho: crédito na conta em 03 de agosto, saque ou transferência em 03 de outubro.
  • julho: crédito na conta em 10 de agosto, saque ou transferência em 17 de outubro.
  • agosto: crédito na conta em 24 de agosto, saque ou transferência em 17 de outubro.
  • setembro: crédito na conta em 31 de agosto, saque ou transferência em 31 de outubro.
  • outubro: crédito na conta em 08 de setembro, saque ou transferência em 31 de outubro.
  • novembro: crédito na conta em 14 de setembro, saque ou transferência em 14 de novembro.
  • por fim, nascidos em dezembro: crédito na conta em 29 de setembro, saque ou transferência em 14 de novembro.

O aplicativo Caixa Tem (o mesmo do auxílio emergencial) permitirá que o valor seja usado para pagar contas e fazer compras em alguns estabelecimentos até que o saque ou transferência não seja liberado. Se não houver movimentação desse dinheiro, ele volta ao saldo do FGTS automaticamente.

Calendário do Saque-aniversário

Quem se cadastrou para realizar o saque de uma parte do fundo de garantia de acordo em seu mês de aniversário deve ficar de olho no calendário do benefício. Afinal, o valor sacado pode variar entre 5% e 50% do saldo, dependendo do montante disponível na conta.

  • janeiro e fevereiro: saque entre abril e junho de 2020.
  • março e abril: saque entre maio e julho de 2020.
  • maio e junho: saque entre junho e agosto de 2020.
  • julho: saque entre julho e setembro de 2020.
  • agosto: saque entre agosto e outubro de 2020.
  • setembro: saque entre setembro e novembro de 2020.
  • outubro: saque entre outubro e dezembro de 2020.
  • novembro: saque entre novembro de 2020 e janeiro de 2021.
  • por fim, nascidos em dezembro: saque entre dezembro de 2020 e fevereiro de 2021.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem destacada: Freepik

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais