Afinal, quando vale a pena parcelar a fatura do Nubank?

O Nubank é um dos cartões de crédito mais amados pelos brasileiros. Com ele, você fica bem longe da burocracia, e pode resolver tudo de maneira fácil e prática através do aplicativo. Entre as facilidades, está a possibilidade de parcelar a fatura do Nubank dentro do aplicativo. Mas e afinal, quando realmente vale a pena parcelar a fatura do cartão de crédito? Tire as suas dúvidas aqui neste post.

Leia também:

Guardar dinheiro na poupança ou na NuConta?

O dólar caiu! Vale a pena antecipar o pagamento da fatura do cartão?

Confira 5 cartões de crédito sem anuidade com programa de benefícios

Como funciona o parcelamento da fatura do Nubank?

Parcelar a fatura é solicitar que o montante de gastos do mês seja dividido ao longo dos próximos meses. E isso pode ser feito diretamente pelo aplicativo.

Você mesmo é quem define se quer parcelar toda a fatura, ou apenas uma parte dela. Além disso, o parcelamento da fatura do Nubank pode ser feito em até 12 vezes. No próprio aplicativo do Nubank é possível simular os valores antes de finalizar a operação.

Mas e afinal, quando vale a pena parcelar a fatura do Nubank?

Na verdade, em alguns motivos vale a pena parcelar a fatura do Nubank. O principal deles é quando você for entrar no juros do rotativo. Ou seja, naquele momento que você não dispor dos recursos suficientes para pagar toda a fatura do mês. Neste caso, você arca com taxas de juros maiores que os juros do parcelamento, e é interessante parcelar.

Outra possibilidade é quando você tem uma despesa inesperada, e precisa de um fôlego extra para conseguir pagar. Também é interessante parcelar a fatura do Nubank, pois você terá mais tempo para pagar a sua fatura, e sem entrar no rotativo.

Por fim, outra hipótese é naquele momento em que o lojista cobra uma taxa de juros mais alta que o parcelamento da fatura do Nubank. Portanto, é possível pagá-lo à vista e dividir a sua fatura em suaves parcelas.

Considerações finais

Mas atenção: é importante saber que é possível sempre antecipar as suas parcelas sempre que você tiver uma graninha a mais sobrando. Com isso, você consegue o desconto dos juros, e evita pagar mais. Sempre pague o máximo que você conseguir de entrada para evitar pagar mais juros. Ademais, evite parcelar uma fatura em aberto, aguarde pelo fechamento dela, pois assim tem até 30 dias para pagar a primeira parcela.

Gostou da notícia?

Siga-nos em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Acompanhe tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Este artigo foi adaptado do original no blog do Nubank

 

Eduardo Mendeshttps://seucreditodigital.com.br/author/mendes/
Sou um entusiasta da tecnologia, que também aprecia inovação, empreendedorismo, além de Fintechs e as suas facilidades. Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Co-Fundador do site Seu Crédito Digital.
- Publicidade -

Mais Populares

Mudança obrigatória na gasolina deixará o combustível mais caro a partir de agosto

A gasolina ficará mais cara no Brasil a partir do dia 3 de agosto. Isso porque, a partir desse dia, a gasolina vendida no...

Cetelem cria solução 100% digital para gerar renda extra a autônomos, micro e pequenos empreendedores

Ferramenta para venda de empréstimos consignados contribui para o gerar renda extra a autônomos, micro e pequenos empreendedores. A Cetelem, especialista em soluções digitais de...

Após Banco do Brasil, Itaú esgota limite de crédito disponível para o Pronampe

O Itaú Unibanco informou que terminou de disponibilizar os R$ 3,7 bilhões de volume disponível para a linha de crédito do Programa Nacional de...

Projeto de Romário quer reduzir pela metade o valor das prestações do Minha Casa, Minha Vida

Atualmente, tramitam na Câmara e no Senado diversos projetos com o objetivo de ajudar os beneficiários do Minha Casa, Minha Vida durante a pandemia....
- Publicidade -