A Caixa Econômica Federal começou, em 2018, a oferecer o empréstimo consignado com uso do Fundo de Garantia ao Tempo de Serviço (FGTS) como garantia. Conheça algumas vantagens do empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa da Caixa com garantia do FGTS.

É provável que você também goste:

Empréstimo Ferratum Money: dinheiro cai em até 1 dia e sem precisar sair de casa.

Cartão da Caixa sem consulta é zero anuidade e sem consulta ao SPC/Serasa.

Qual é o impacto do score de crédito e cadastro positivo para o consumidor?

Geralmente, os maiores beneficiados de um empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa são os funcioários públicos, aposentados e pensionistas do INSS. Entretanto, esta modalidade de empréstimo com garantia do FGTS permite que trabalhadores com carteira assinada consigam tomar o crédito.

Vantagens do empréstimo sem consulta da Caixa com garantia do FGTS

Taxa de juros

Os juros, segundo o governo, não podem ultrapassar 3,5% ao mês. Isso significa que ele é mais barato do que a maioria dos empréstimos do mercado.

Até 48 meses para pagar

O trabalhador pode fazer o pagamento do empréstimo em até 48 parcelas. Assim, pode se organizar para pagá-lo em um tempo relativamente grande.

Qualquer trabalhador com FGTS pode pedir o empréstimo

Segundo o Ministério do Trabalho, esta linha de financiamento está à disposição de 36,9 milhões de trabalhadores com carteira assinada. Como foi dito anteriormente, os maiores beneficiados de empréstimos que não fazem consulta ao SPC e Serasa, são os funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS. Contudo, nessa modalidade de empréstimo, todo trabalhador com carteira assinada tem direito.

Condições exigidas para o empréstimo com garantia do FGTS (extraídas do site da Caixa)

  • É preciso que você trabalhe em empresa ou órgão conveniado, ser aposentado ou pensionista permanente do INSS;
  • Para pensionistas do INSS, o benefício deverá ser permanente e permitir a contratação do empréstimo. Sujeito à aprovação do órgão;
  • Valor da prestação não pode ser maior do que 30% do salário ou benefício mensal;
  • As prestações mensais são iguais e descontadas diretamente do salário ou benefício;
  • A contratação está sujeita à aprovação de crédito, confirmação da averbação pelo órgão ou empregador e demais cláusulas contratuais do produto.
  • No caso de Consignado com garantia de FGTS, o saldo de FGTS consignável como garantia deve ser compatível com o valor de empréstimo desejado.

Vale a pena pedir o empréstimo com garantia do FGTS da Caixa?

Para valer a pena, é necessário você estar ciente de que o montante do FGTS pode diminuir consideravelmente. Isso porque o limite de crédito equivale à metade do saldo. O máximo do saldo do FGTS que você pode utilizar como garantia é de 10% do saldo disponível, além da multa rescisória (40% do saldo do FGTS), no caso de demissão sem justa causa. Ou seja, isso equivale a 50% do FGTS, com os 10% do saldo, mais 40% da multa rescisória.

Além disso, se compararmos com outras linhas de crédito disponíveis no mercado, o empréstimo consignado com garantia do FGTS é mais barato. Entretanto, você precisa pagar em dia para não ter o nome negativado ou para sair da inadimplência.

O mais recomendado mesmo é que você tenha o controle sobre o seu dinheiro, sempre colocando numa planilha as suas receitas e despesas. Assim, você mesmo conhecerá o seu perfil e montará o seu planejamento financeiro. É importante também ter sempre uma reserva de emergência para eventuais problemas que podem ocorrer.

Dica de empréstimo na internet

Por fim, caso você não possa pedir os empréstimo citado acima, uma boa alternativa de empréstimo pessoal e que pode ser bastante vantajosa para você é a fintech Bom Pra Crédito. Isso porque após realizar um cadastro, a plataforma busca por um empréstimo em seus mais de 30 diferentes parceiros. Em seguida, você é direcionado para a melhor opção, de acordo com o seu perfil. Por fim, você pode comparar as melhores propostas e decidir qual é a melhor delas.

Enfim, gostou do artigo sobre o empréstimo com garantia do FGTS?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter, Instagram. Assim, acompanhe nossas notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.