Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

1,6 milhão de pessoas têm dinheiro esquecido da restituição do IR

0

A Receita Federal possui valores das restituições de 1.620.659 contribuintes. Em suma, o número atualizado pelo órgão se refere a pessoas que têm dinheiro a receber oriundo da restituição da declaração do Imposto de Renda. Sem pedir o resgate, o dinheiro fica retido na Receita. Duas razões explicam o tamanho do esquecimento: os valores são baixos e, em geral, pertencem a contribuintes já falecidos.

É provável que você também goste:

IRPF 2022: veja quanto você pode pagar de imposto de acordo com sua renda

IRPF 2022: seguro de vida deve ser declarado no Imposto de Renda?

Doações podem abater até 6% do valor do Imposto de Renda, mas pouca gente sabe disso

1,6 milhão de pessoas têm dinheiro esquecido da restituição do IR

Por meio de uma nota, a Receita Federal disse que “a grande maioria dos valores [esquecidos] estão entre R$ 0,01 e R$ 5,00 ou são de contribuintes que faleceram”. 

Para resgatar os valores, o cliente tem quatro formas de ganhar a restituição do Imposto de Renda. São elas: conta corrente, poupança, conta de pagamento e o Pix CPF. Ao final da declaração, é necessário informar em qual destas possibilidades deve ser feita a restituição do dinheiro. E se você ainda não ganhou a sua restituição em 2021, ainda é possível resgatar o dinheiro, de acordo com a Receita.

Dentro de um ano depois do envio do dinheiro da restituição ao banco, o contribuinte pode pedir o reagendamento da restituição no Banco do Brasil, se ao consultar o extrato da declaração pelo portal e-Cac, a restituição estiver “Disponível para reagendamento”. Além disso, aparecerá a seguinte mensagem: “acesse o site do Banco do Brasil ou entre em contato com a Central de Atendimento do BB por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos”.

Depois de um ano, o valor retorna à Receita Federal. Dessa forma, para ser resgatado, é necessário fazer um pedido através do Pedido Eletrônico de Restituição. O procedimento do pedido funciona assim: o contribuinte precisa acessar o sistema “Meu Imposto de Renda” (no Portal e-CAC). Em seguida, é necessário clicar na opção“Solicitar restituição não resgatada na rede bancária”, que aparece na seção “Restituição e Compensação”. Depois disso, informe a conta bancária  para receber os valores. O titular da conta deve ser o próprio contribuinte e a conta deve ser do tipo conta corrente ou poupança”, diz a Receita.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Alison Nunes Calazans / Shutterstock.com

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar

Fechar