Ninguém está livre de ter o seu nome incluído no cadastro de inadimplentes do SPC e Serasa. Uma das formas de quitar uma dívida, é através do parcelamento através de um acordo. Afinal, qual o prazo que o credor tem para tirar o nome do devedor do SPC e Serasa após o pagamento da primeira parcela? Tire as suas dúvidas aqui neste artigo.

É provável que você também goste:

Quando o banco vende uma dívida prescrita, pode ser cobrada novamente?

Após quantos dias de atraso o nome do consumidor vai para o SPC e SERASA?

Mega-Sena acumulada em R$ 275 milhões, saiba como apostar online

Em caso de acordo, qual o prazo para tirar o nome do devedor do SPC e Serasa?

Ao realizar um acordo com o seu credor, e o consequente pagamento da primeira parcela, a dívida anterior está extinta. Ou seja, não podem mais existir registros negativos sobre ela, inclusive registros no SPC e Serasa. Portanto, o credor tem um prazo legal de 5 dias para remover o seu nome de devedor dos cadastros dos Bureaus de crédito. Como por exemplo, SPC Brasil, Serasa Experian ou Boa Vista.

Entretanto, cabe ressaltar que agora é uma nova dívida. Ademais, ela possui novas datas de pagamento, e que não podem culminar em novos apontamentos desabonadores ao seu CPF. Contudo, desde que você honre o compromisso e pague em dia o referido parcelamento através do acordo.

E ainda, o credor não pode em hipótese nenhuma obrigar o devedor a pagar todas as parcelas em atraso para retirar o nome dos cadastros do SPC e Serasa.

Por fim, caso o credor se negue a remover o CPF do devedor do cadastro de inadimplentes, mesmo mediante o pagamento da primeira parcela de um eventual acordo, é possível pedir danos morais na justiça, para exigir os seus direitos.

Enfim, gostou da notícia?

Então, siga Seu Crédito Digital no Google News. Receba em primeira mão notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.