Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Após mais um ataque, clientes do Latam Pass têm seus dados vazados

Membros do Latam Pass tiveram nome, sobrenome e ID de membro vazados. Gol e Azul, parceiras da empresa hackeada, não sofreram ataques.

0

Clientes participantes do programa Latam Pass tiveram seus dados vazados em uma onda de ataques cibernéticos no sistema que fornece tecnologia da informação para serviços aéreos, a Sita (Sociedade Internacional de Telecomunicações Aeronáuticas). A companhia Latam notificou seus clientes na última sexta-feira (12/03).

Pode ser que você também goste:

Bateu Ganhou: Escolha a sua meta e ganhe pontos, milhas e crédito na fatura do Santander

Hacker encontra dados sensíveis expostos na CAIXA, DATASUS, USP e outros

Cartão de crédito Latam Pass: como aproveitar os benefícios?

O que a Latam diz sobre os dados vazados?

A empresa aérea explicou que o ocorrido se deu porque muitos de seus passageiros cadastrados no Latam Pass fazem parte de acordos comerciais extras, que supostamente utilizam a Sita.

Parte dos membros do programa de fidelidade foi atingida pelo ataque hacker que começou em Atlanta, Estados Unidos, no dia 24 de fevereiro. De acordo com a empresa aérea, informações como nome, sobrenome e ID de membro foram acessados indevidamente.

Latam Pass
imagem: site / latam.com

Ainda conforme a Latam, não existe contato direto entre ela e a Sita. em comunicado aos clientes, a Latam disse que os processos internos não foram acessados, impossibilitando o vazamento de números de bilhetes, reservas, e-mail ou dados bancários como cartões de crédito.

Apesar da garantia, a companhia finalizou seu comunicado dizendo que, se porventura demais clientes tiverem dúvidas, devem entrar em contato pelo e-mail [email protected].

Confirmação da Sita sobre os ataques contra a Latam

A Sita é a empresa multinacional que, em parceria com 11 companhias aéreas, disponibiliza serviços de TI para este setor. 

Segundo nota oficial, a própria multinacional não tinha conhecimento dos ataques e, portanto, foi vítima do incidente que afetou a segurança dos dados dos passageiros que estavam guardados nos servidores do sistema.

No mesmo dia do inicio dos ataques, a organização se posicionou e informou às outras empresas participantes, como a Latam.

Gol e Azul também sofreram os ataques?

Outras companhias como a Gol e a Azul também são parceiras e fazem uso da tecnologia da Sita para despachos e rastreamento de voos.

Mesmo assim, a Gol afirma que o serviço utilizado com a Sita não foi alvo de ataques e não prejudicou seus passageiros. A Azul também destacou que nenhuma informação de clientes foi vazada.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitter, Instagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

imagem: site / latam.com

Comentários
Carregando...