Se você teve o pedido de Auxílio Emergencial negado, saiba que ainda há chance de conseguir o benefício. A partir do dia 22 de junho (próxima segunda-feira), será possível solicitar contestação na Defensoria Pública de seu município. Essa medida foi criada em uma parceria entre a defensoria e o Ministério da Cidadania, cuja decisão foi assinada ontem (17).

É provável que você também goste:

Novo programa vai ajudar devedores impactados pela pandemia a renegociar dívida com a União

Câmara planeja auxílio emergencial de até R$ 3 mil a agricultores

Auxílio Emergencial: roubaram seu dinheiro do Caixa Tem. O que fazer?

Quem teve o Auxílio Emergencial negado poderá contestar decisão na Defensoria Pública

De acordo com o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, “o acordo firmado permite que a Defensoria Pública dê assistência gratuita ao cidadão que teve o Auxílio Emergencial negado. Conforme o ministro, “O cidadão vai buscar o seu direito e, caso esteja dentro do que a lei determina, receberá o auxílio”.

Já Gabriel Faria Oliveira, defensor público-geral federal, definiu o acordo como estratégico e afirmou que os casos terão maior possibilidade de serem avaliados individualmente. Afinal, quem teve o Auxílio Emergencial negado por alguma desatualização cadastral que não esteja condizente com a realidade atual agora pode solicitar ajuda para resolver o problema sem levar a questão para a justiça.

Além da possibilidade de contestar a negativa do Auxílio Emergencial na Defensoria Pública, vale lembrar que o governo anunciou a criação de uma ferramenta de contestação. A princípio, a ferramenta deve ser um número 121 e se chamar “esteira de contestação”, mas o governo ainda não deu maiores detalhes.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem destacada: Brenda Rocha / Shutterstock.com

Sobre o Autor

Jadre Marques Duarte Junior

Redator-chefe

Graduado em Administração de Empresas pela UFRGS. Apaixonado por marketing, comunicação e finanças, possuo mais de 8 anos de experiência na área de T.I. aplicada a serviços financeiros.

Ver todos os artigos