O Banco do Brasil deu início nesta segunda-feira (23) a liberar as operações de crédito para micro e pequenas empresas enfrentem a crise do coronavírus. Além disso, os clientes poderão prorrogar as próximas duas parcelas a vencer, que serão migradas para o final do cronograma de pagamento de suas dívidas.

É provável que você também goste:

Fundo do Nubank dará compras no iFood e consultas GRÁTIS para seus clientes

Coronavírus: Santander divulga medidas e oferece ZERO tarifas para MEI

Caixa reduz duas horas de atendimento na quarentena do Coronavírus

Banco do Brasil: com coronavírus, mais crédito para micro e pequenas empresas

Enfim, além da prorrogação das parcelas, a taxa de juros será diluída ao longo de todo o cronograma de pagamentos. As linhas contempladas utilizam recursos próprios do Banco do Brasil, e elas têm como objetivo garantir que as micro e pequenas empresas não necessitem dispor de seus caixas para pagar empréstimos neste momento. Ou seja, liberando recursos para garantir o pagamento de funcionários e fornecedores.

O pequeno empresário que quiser aproveitar essas medidas, pode fazer a contratação diretamente no Gerenciador Financeiro. Todavia, é importante ressaltar que também é possível realizar na agência, mas o Banco do Brasil orienta que o empreendedor utilize o canal remoto.

As linhas contempladas crédito para micro e pequenas empresas são as seguintes:

  • BB Giro Digital
  • BB Giro Empresa
  • BB Giro Rápido
  • BB Giro Cartões
  • BB Giro Corporate
  • BB Financiamento

Por fim, o Banco do Brasil também informou que está com todas as suas linhas de crédito de capital de giro à disposição dos clientes, também no sentido de prover maior liquidez às micro e pequenas empresas, para que possam enfrentar esse momento de crise.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem: Jo Galvao via shutterstock