Category - FINTECH

Startup IQ360 seleciona os 12 melhores cartões sem anuidade do Brasil

Você já ouviu falar da IQ360? É uma startup que permite aos seus usuários terem escolhas financeiras mais fáceis e transparentes. Ou seja, você pode verificar e comparar qual o melhor cartão de crédito, empréstimo ou seguro auto ideal para o seu perfil. E inclusive, onde você pode investir o seu dinheiro. Recentemente, a startup elegeu os 12 melhores cartões sem anuidade do Brasil. Confira a lista e deixe um comentário dizendo o que achou.

Leia agora:

Afinal, quem tem o nome sujo no SPC e Serasa, pode fazer concurso público?

Fintech IQ360 elege os 12 melhores cartões sem anuidade do Brasil

Os cartões de crédito sem anuidade, nos últimos tempos caíram nas graças dos brasileiros. Portanto, tudo começou com o advento das fintechs que passaram a oferecer mais vantagens que as administradoras de cartões e bancos tradicionais. Por fim, os bancos deram um contra ataque, e posteriormente começaram a lançar cartões para este público. Portanto, de confira os melhores, de acordo com a fintech IQ360.

Os 12 melhores cartões sem anuidade

Credicard Zero

Os 12 melhores cartões sem anuidade - Credicard Zero

Com o cartão Credicard Zero, você não paga anuidade, ele é na bandeira Mastercard e traz alguns benefícios interessantes. Como por exemplo, descontos em viagens na Uber, na Decolar.com, bem como em diversas lojas, como Netshoes, Magazine Luiza e Extra. Ademais, é possível gerenciar o seu cartão de crédito através de um aplicativo no seu Smartphone. Saiba aqui neste artigo maiores informações sobre o Credicard Zero.

No site Reclame Aqui, a Credicard tem a nota de 8,5 de 10 e o atendimento avaliado como “Ótimo”, no período de 12 meses. Também vale destacar que nos últimos 6 meses ela tem o selo “RA1000”, dado para empresas com excelentes índices no site. A Credicard tem 99,6% das reclamações respondidas e 89,6% delas solucionadas.

Itaucard 2.0 Gold

Os 12 melhores cartões sem anuidade - Itaucard 2.0 Gold

O Itaucard 2.0 Gold dá isenção de anuidade para clientes que gastarem pelo menos, mais de R$ 100 por mês. Contudo, para faturas abaixo do valor, a anuidade é de R$ 29,92. Além disso, também conta com benefícios interessantes, como 50% de descontos em cinemas, teatros e nos parceiros Itaucard.

Por fim, no site Reclame Aqui, a Itaucard foi avaliada como “Ótima” pelos clientes, que deram uma nota média de 8.0 de 10 para a empresa nos últimos 12 meses. No período, ela respondeu 97,7% das reclamações, solucionando 83,4% delas. 73,2% dos consumidores que prestaram queixas voltariam a fazer negócio com a empresa, mesmo depois dos problemas.

Itaucard 2.0 Platinum

Os 12 melhores cartões sem anuidade - Itaucard 2.0 Platinum

Primeiramente, o Itaucard 2.0 Platinum também conta com uma anuidade diferenciada. Portanto, a isenção da cobrança da anuidade acontece para quem possui um gasto mínimo de R$ 500 mensais. Em relação aos benefícios, ele é bem parecido com o Gold e oferece todas as vantagens elencadas anteriormente.

O seu maior diferencial é o Mastercard Platinum Concierge. O benefício consiste em uma assistência pessoal imediata a qualquer hora e lugar, acesso privilegiado aos serviços e experiências exclusivas e soluções sob medida. A Mastercard explica que o serviço de concierge pode tanto encontrar o restaurante perfeito em uma cidade como achar o presente ideal e fazer com que ele seja entregue a tempo. O Mastercard Platinum Concierge funciona como um assistente 24h VIP que pode auxiliar o cliente com o que ele precisar, até mesmo em caso de emergências, como a perda do cartão.

No site Reclame Aqui, a Itaucard foi avaliada como “Ótima” pelos clientes, que deram uma nota média de 8.0 de 10 para a empresa nos últimos 12 meses. No período, ela respondeu 97,7% das reclamações, solucionando 83,4% delas. 73,2% dos consumidores que prestaram queixas voltariam a fazer negócio com a empresa, mesmo depois dos problemas.

Os 12 melhores cartões sem anuidade

Multiplus Gold

Os 12 melhores cartões sem anuidade - Multiplus Gold

O Multiplus Gold é um cartão de crédito sem anuidade. Todavia, ele é vinculado ao programa Multiplus. Ele é voltado a quem quer tirar o máximo proveito de seu cartão e gasta aproximadamente R$ 2.000 por mês. A ideia do Multiplus é que você faça todos os pagamentos com ele, para acumular pontos. Com isso, para não ter anuidade, você precisa gastar ao menos R$ 2.000 por mês.

Em compensação, você pode ganhar 1,6 ponto Multiplus a cada US$ 1 gasto, um bônus inicial de 4.000 pontos e 30% de desconto nas compras de pontos. Ademais, você tem todos os benefícios dos cartões Itaucard 2.0.

No site Reclame Aqui, a Itaucard foi avaliada como “Ótima” pelos clientes, que deram uma nota média de 8.0 de 10 para a empresa nos últimos 12 meses. No período, ela respondeu 97,7% das reclamações, solucionando 83,4% delas. 73,2% dos consumidores que prestaram queixas voltariam a fazer negócio com a empresa, mesmo depois dos problemas.

Digio

Os 12 melhores cartões sem anuidade - Digio

A Digio, da mesma forma que o Nubank e o Banco Inter, faz parte da nova geração de serviços financeiros que tem atraído bastante o público brasileiro. O cartão de crédito Digio não possui anuidade e vem com a bandeira Visa. O pedido pode ser feito direto pelo celular, sem burocracia e sem perda de tempo. Portanto, da mesma forma que os seus concorrentes, é possível gerenciar e acompanhar os gastos com o cartão de crédito através do aplicativo. Saiba mais sobre este excelente cartão de crédito aqui neste artigo.

Nos últimos 12 meses, a Digio teve seu atendimento avaliado como “Bom” no site Reclame Aqui e uma nota de 7 de 10. Respondeu 99,8% das reclamações e solucionou 71,1% delas. 61,1% dos clientes que reclamaram voltariam a fazer negócio com a empresa.

Porto Seguro Internacional

Os 12 melhores cartões sem anuidade - Porto Seguro

O cartão Porto Seguro oferece anuidade gratuita nos primeiros 12 meses de uso para os tipos Internacional, Gold e Platinum. Todavia, assim como o Multiplus Gold, a anuidade somente é zerada se você gastar um valor igual ou superior a R$ 1.500 por mês. O cartão de crédito acumula milhas, que podem ser trocadas por viagens e compras. Ademais, você pode contar com outros benefícios como 10% de desconto na contratação de seguro auto do grupo Porto Seguro. A bandeira do cartão pode ser escolhida nas opções Visa ou Mastercard.

A Porto Seguro tem o atendimento avaliado como “Bom” e uma nota de 7,4 de 10 no site Reclame Aqui, com base no período dos últimos 12 meses. Ainda que seja sobre todos os serviços da companhia e não só do cartão, sua nota é um reflexo do atendimento da empresa. Das queixas, ela respondeu 99,2% delas e resolveu 79,2% das solicitações. 64,1% dos consumidores que reclamaram voltariam a fazer negócio com a empresa.

Os 12 melhores cartões sem anuidade

Next

Os 12 melhores cartões sem anuidade - Next

O cartão de crédito Next é internacional e oferece isenção de anuidade no seu plano gratuito Todavia, existem outras modalidades de planos de acordo com o valor que você escolhe pagar. Seu cartão é inteiramente controlado pelo aplicativo, e ao mesmo tempo ele conta com algumas funções bastante interessantes, como a Vaquinha, que permite dividir gastos de uma compra com um grupo de amigos ou familiares com facilidade.

Ademais, o Next também oferece alguns “mimos”. Ou seja, ele é o único cartão com descontos em eventos como o Lollapalooza, além de livrarias, cinemas e teatros. Também oferece R$ 20 de crédito no iFood e na Uber.

No site Reclame Aqui, o Banco Next tem o atendimento avaliado como “Ruim” e a nota de 5,9 de 10, com base nos últimos 12 meses. A empresa respondeu 69,5% das queixas e 49,3% dos clientes que reclamaram voltariam a fazer negócios com a empresa.

Neon

Os 12 melhores cartões sem anuidade - Neon

O Cartão Neon foi feito para os correntistas do Banco Neon, e trata-se de um cartão de crédito internacional sem anuidade. Você pode criar um cartão virtual com ele para compras online e também deixar sua fatura em débito automático. Portanto, com isso, em todo fechamento, é descontado automaticamente o valor da sua conta corrente Neon.

No site Reclame Aqui, o Neon tem seu atendimento avaliado como “Regular”. Ele recebeu nota de 6,4 de 10, com base nos últimos 12 meses. Respondeu 83,6% das queixas que recebeu e solucionou 70,3% delas. 55,6% dos clientes que encontraram problemas voltariam a fazer negócios com a empresa.

Santander Free

Santander Free

O Santander Free não é oficialmente sem anuidade. Contudo, o cartão de crédito possui um pré-requisito muito interessante: a isenção da anuidade de acordo com seus gastos mensais. Portanto, caso o cliente gaste pelo menos R$ 100 por mês com o cartão, não precisará pagar a anuidade. O cartão também pode ser solicitado por quem não é correntista do Banco Santander, além de ser internacional e ter bandeira Mastercard.

A Santander Cartões tem a nota de 7,7 de 10 e um atendimento avaliado como “Bom” no site Reclame Aqui, com base nos últimos 12 meses. A empresa respondeu 97,9% das reclamações e resolveu 78,7% delas. Dos clientes que prestaram queixas, 68,8% voltariam a fazer negócio com a empresa.

Os 12 melhores cartões sem anuidade

Banco Inter

Banco Inter

O banco Inter oferece um cartão de crédito internacional sem anuidade aos seus correntistas com a bandeira Mastercard. Para você solicitar, basta abrir uma conta digital no banco, através do site ou do aplicativo. Todo o processo do cartão, como recebimento e pagamento da fatura, também pode ser feito pelo site ou aplicativo.

No site Reclame Aqui, o Banco Inter tem a nota de 8 em uma escala de 10. É avaliado com o status “Ótimo” e respondeu 97,6% das mais de 11.500 reclamações recebidas. Solucionou 81,8% das solicitações e 77% dos clientes voltariam a fazer negócios com a empresa.

Nubank

Nubank

O Nubank possui mais de 4 milhões de clientes, e é o mais conhecido dos cartões de crédito sem anuidade. O roxinho vem conquistando, cada vez mais, popularidade entre os consumidores brasileiros. O cartão de crédito Nubank é internacional, sem anuidade e com a bandeira Mastercard. Um grande diferencial é o fato de conseguir gerenciar os gastos do cartão direto pelo celular em tempo real através do aplicativo. Para solicitar o seu cartão, você precisa receber o convite de algum cliente Nubank ou pedir direto pelo site e em alguns casos entrar na lista de espera para ser aprovado.

No site Reclame Aqui, o Nubank tem uma nota de 7,9 de 10 e um atendimento avaliado como “Bom”, com base nos últimos 12 meses. Respondeu 100% das reclamações que recebeu e solucionou 79,2% delas. 71,2% dos clientes que abriram queixas no site voltariam a fazer negócios com a empresa.

pag!

pag!

A pag! é uma fintech que está no mercado brasileiro há pouco mais de um ano. Ela é administrada pelo Grupo Avista. A fintech já conta com mais de 2,5 milhões de pedidos e 400 mil clientes ativos. Para adquirir o cartão pag!, é necessário abrir uma conta digital na empresa, que pode ser feito sem custos e online pelo aplicativo “Meu pag!”. O cartão é internacional e com a bandeira Mastercard e, claro, isento de anuidade. Além de fazer compras com o seu cartão pag!, também é possível fazer depósitos, transferências, pagamentos e recargas de celular.

Nos últimos 12 meses, a pag! respondeu 100% das reclamações que recebeu no Reclame Aqui e resolveu 83,2% delas. Seu atendimento foi avaliado como “Bom” e sua nota média foi de 7,9 de 10. Apesar das queixas, 71,9% dos consumidores voltariam a fazer negócio com a empresa. Entretanto, nos últimos meses têm aumentado o número de ocorrências de clonagem dos cartões pag! e este é o principal motivo das reclamações neste momento no site Reclame Aqui.

Os 12 melhores cartões sem anuidade

Por fim, um vídeo da YouTuber Julia Mendonça, feito especialmente para a fintech IQ360. Confira:

O que achou da proposta da IQ360? Caso queira conferir o trabalho deles, entre diretamente no site e aproveite para fazer a comparação de cartões.

Enfim, gostou do artigo?

Então, siga Seu Crédito Digital no Google News. Receba em primeira mão notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao mundo das fintechs.

Atendimento WoW: Nubank manda carro para cliente que estava sem o cartão de crédito

Atendimento WoW

Atendimento WoW: Nubank manda carro para cliente que estava sem o cartão de crédito. A fintech prima pelo bom atendimento a seus clientes. Até porque um dos lemas da empresa, segundo ela própria, é:

“Um dos lemas do Nubank é: queremos que nossos clientes nos amem. Pode parecer um exagero, mas ter isso como missão da empresa faz com que a gente realmente trabalhe para superar as expectativas das pessoas.“

É provável que você também goste:

Nubank ainda vai oferecer saque gratuito como o Banco Inter?

O Boticário está dando Kit Dia das Mães grátis pelo WhatsApp?

O nome fica limpo no SPC e Serasa após a divida caducar em 5 anos?

Por isso, a fintech criou o atendimento WoW… Entenda um pouco mais sobre essa iniciativa:

Atendimento WoW

Em 2015, o Nubank criou o atendimento WoW partindo da premissa básica de que todo o Xpeer (integrante do time de atendimento) poderia enviar presentes para um cliente por mês, junto com uma cartinha escrita de próprio punho. Entretanto, não era uma regra, apenas uma opção para os casos em que eles quisessem estender essa conexão.

“Esse formato logo mudou para que cada Xpeer pudesse enviar presentes e mensagens sempre que quisesse, desde que esses WoWs estivessem ligados a alguma interação bacana com o cliente.”

Segundo o Nubank, em todos esses anos, foi enviado mais de 9.481 WoWs para cidades em todas as regiões do Brasil.

“Temos uma equipe trabalhando na logística para garantir que os Xpeers possam enviar essas lembranças o mais rápido possível (e isso talvez seja assunto para um outro post) mas, pelo próprio formato dos WoWs, a gente sempre dependeu muito dos prazos de entrega – e, às vezes, as surpresas demoravam a chegar.”

Contudo, a fintech resolveu pensar em novas formas de continuar surpreendendo os clientes e criando conexões ainda mais significativas.

Novo atendimento WoW

A fintech então resolveu seguir criando conexões de verdades e mais rápidas quando necessário. Ou seja, o próximo passo foi oferecer experiências em tempo real. Isso significa, portanto, que WoWs podem ser utilizados na hora, assim que o cliente encerra o seu atendimento. Além disso, por vezes, podem ser usados quando ele ainda está falando com a fintech.

Nubank manda carro e pizza para clientes

“Foi assim, por exemplo, quando mandamos um carro para o cliente que estava sem o cartão de crédito na hora em que precisava fazer um cadastro em um app de transporte – ou enviamos a pizza para a cliente que teve problemas com a senha do cartão.”

Nubank pediu um carro em app de transporte para cliente que estava sem o cartão de crédito:

Em outra ocasião, a fintech mandou uma pizza para usuária que errou a senha e bloqueou o cartão:

Rappi e Cabify

O Nubank conta com dois parceiros para criar essas conexões, que são o Rappi e Cabify.

“É muito legal ver, novamente, a repercussão desses WoWs e como a nossa equipe de atendimento consegue ajudar e surpreender os clientes além do que é esperado.”

É importante ressaltar que as cartas ou surpresas em tempo real são apenas uma parte de tudo o que o Nubank faz para conseguir atingir de forma positiva os seus clientes.

Além disso, segundo a empresa, ela pode mudar o formato como tudo é feito, mas os princípios nunca mudarão:

“Os WoWs não são uma ação de marketing descolada dos nossos valores – pelo contrário. O WoW é um reflexo daquilo que a gente vive todos os dias, em todas as áreas da empresa: o foco no cliente“.

Obs: Notícia com informações retiradas do Blog do Nubank.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Via Blog Nubank.

C6 Bank consulta o Serasa e começa a liberar o App em lotes para C6 Beta Tester

O C6 Bank está prestes a lançar o banco em definitivo, de acordo com informações da empresa através da sua assessoria de imprensa. Neste momento, o app do C6 Bank já está em uso por funcionários e convidados. Contudo, ainda não está disponível na App Store e na Google Play Store. Se você se inscreveu para C6 Beta Tester, muito provavelmente tenha percebido uma consulta ao seu CPF no Serasa, e tudo indica que está muito próximo o seu lançamento. Saiba mais.

É provável que você também goste:

Nexxera e C6 Bank: aliança com foco em empresas e pessoas físicas

Havan libera solicitação do seu cartão de crédito sem anuidade pela internet

C6 Bank consulta o Serasa e começa a liberar o App em lotes para C6 Beta Tester

Conforme informações da assessoria de imprensa do C6 Bank exclusivamente para o site Seu Crédito Digital, o banco estará dando início neste mês, a fase dos C6 Beta Testers. Por este motivo, o banco começou a consultar o CPF dos candidatos na base de dados do Serasa Experian.

C6 Beta Tester

O C6 Beta Tester é o usuário que vai ter a chance de usar o aplicativo do C6 Bank antes do lançamento oficial do banco. É o usuário que vai ter acesso ao app ainda em sua fase beta. Portanto, ele precisa pedir um convite no site do banco (aqui neste link) e aguardar o e-mail com um código que dará a ele a possibilidade de abrir uma conta no banco.

Os convites com os códigos serão liberados em lotes ao longo do mês de maio. Depois da fase C6 Beta Tester, o banco tem a previsão de ser lançado ao público geral nos próximos meses.

Serviços que o C6 Bank terá (confirmamos com o banco):

  • Conta digital para PF;
  • Conta digital para PJ;
  • Cartão de crédito internacional MasterCard;
  • Amplo portfólio de investimentos (da própria instituição e de parceiros);
  • Concessão de empréstimos e financiamentos para PF e PJ;
  • Portabilidade de Salário;
  • Cheque Especial;
  • O C6 Bank não terá atendimento em agências físicas;
  • Saques em caixas eletrônicos do Banco24Horas;
  • Depósitos por boleto bancário (o banco não divulgou este serviço);
  • CDB (Certificado de Depósito Bancário);
  • Pagamento de contas e tributos pelo app;
  • Recebimento e envio de transferências via DOC ou TED para qualquer banco;
  • Atendimento por chat via aplicativo;
  • Gerenciador financeiro integrado à conta digital;
  • Transferências ilimitadas e gratuitas entre contas do C6 Bank;
  • Cartão virtual para compras pela internet (ainda sem data de lançamento);

Por fim, o C6 Bank será um banco completo, com uma conta corrente associada, da mesma forma que o Banco Inter. Ou seja, certamente, será mais uma opção de banco que virá para bater de frente com as instituições tradicionais. E você, o que espera do C6 Bank? Se inscreveu para C6 Beta Tester? Por gentileza, deixe seu comentário logo abaixo.

Enfim, gostou da notícia?

Então, siga Seu Crédito Digital no Google News. Receba em primeira mão notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Atenção: artigo elaborado com informações diretas da Assessoria de imprensa do C6 Bank. Portanto, caso queira reproduzir de forma parcial ou integral este texto, é obrigatório indicar a fonte no artigo.

Imagem: Startse

Emissão de boletos no Nubank é grátis mas possui limite, já no Banco Inter é ilimitada

Emissão de boletos

Embora seja uma grande facilidade poder emitir boletos para fazer depósito na Nuconta, a fintech possui limite de emissão de boletos.

No momento em que o Nubank lançou a NuConta, era prometido transferências ilimitadas e depósitos via boleto bancário. Contudo, mesmo que as transferências realmente sejam ilimitadas, a emissão de boletos tem um limite de 15 por mês.

Leia também:

Conta digital do Mercado Livre recebe no boleto, cartão e tem rendimento diário.

PicPay, além de pagar qualquer boleto, ajuda a não entrar no SPC e Serasa.

Emissão de boletos no Nubank é grátis mas possui limite, já no Banco Inter é ilimitada

Mas por que há limite de emissão de boletos?

O limite aplicado pelo Nubank é com a finalidade de evitar abusos. Até porque os depósitos da NuConta são exclusivos para uso próprio. Ou seja, o usuário não consegue receber pagamentos de terceiros e, por isso, não é possível alterar os dados do pagador.

Limite de emissão de boleto da NuConta

A NuConta possui algumas limitações, confira:

  • Emissão de até 15 boletos mensais para depósito na conta digital;
  • Depósito mínimo é R$ 20,00;
  • Depósito máximo é de R$ 15 mil.

Obs: Importante ressaltar que os boletos emitidos pela NuConta e pelo cartão de crédito são compartilhados pelo mesmo limite. Ou seja, caso você precise antecipar a fatura do cartão, terá menos boletos disponíveis para depósito.

Emitir boletos no Banco Inter

Já no Banco Inter, além da emissão gratuita, o banco digital permite que o cliente faça de forma ilimitada.

Contudo, o Banco Inter também limita a R$ 15 mil por boleto gerado.

Gostou da notícia?

Então, siga Seu Crédito Digital no Google News. Receba em primeira mão notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Cade investiga Bradesco por prática anticompetitiva contra GuiaBolso

O Cade – Conselho Administrativo de Defesa Econômica, instaurou um processo administrativo contra o Banco Bradesco. Justamente para apurar suposta prática anticompetitiva em relação à fintech GuiaBolso. De acordo com o parecer, o Banco Bradesco estaria prejudicando as atividades econômicas da fintech. Em virtude de estabelecer um segundo fator de autenticação aos clientes, para que acessem as suas contas correntes.

É provável que você também goste:

Saiba como negociar dívidas online e limpar o nome no SPC

Cade investiga Bradesco por suposta prática anticompetitiva contra GuiaBolso

Quem possui o App GuiaBolso instalado no Smartphone deve ter percebido que não consegue sincronizar as contas do Bradesco.

A investigação do caso iniciou em julho de 2018. Tudo começou com a representação da Secretaria de Promoção da Produtividade e Advocacia da Concorrência (Seprac). Órgão vinculado ao Ministério da Fazenda, atualmente Ministério da Economia.

A Seprac apontou que o GuiaBolso depende das informações controladas pelo Bradesco para oferecer seus serviços de auxílio na gestão financeira através do aplicativo. Ademais, ao oferecer crédito em instituições financeiras em sua plataforma, o GuiaBolso disponibiliza serviços complementares que concorrem com parte dos serviços oferecidos pelo banco.

Portanto, para o Conselho Administrativo de Defesa Econômica, há evidências de infração à ordem econômica. Especialmente, considerando que a prática do Bradesco restringiria a oferta de serviços por fintechs que dependam de dados bancários de seus usuários. Tudo isso em prejuízo à livre iniciativa e à livre concorrência.

Dependência das fintechs em relação aos bancos

Quanto à dependência das fintechs em relação aos bancos, a investigação do Cade apontou que a legislação nacional de proteção de dados pessoais fornece ao titular da informação o direito de portabilidade de dados a outro fornecedor de serviço ou produto. Ademais, a Lei Complementar 105/2001 dispõe que não constitui violação do dever de sigilo a revelação de informações restritas com o consentimento expresso dos interessados.

Em relação à oferta de serviços financeiros complementares, a investigação do Cade indicou que uma maior competitividade das fintechs acirra a concorrência com instituições tradicionais. Isso pode se reverter em redução de spreads bancários, gerando benefícios a toda a sociedade.

Além disso, na avaliação do Cade, caso seja de interesse do usuário, o livre trânsito de suas informações bancárias, o consumidor poderá extrair valor da propriedade de seus dados pessoais. Isso pode se dar na forma de acesso a produtos bancários mais vantajosos do que os oferecidos por seu banco.

Por fim, com a instauração do processo administrativo, o Bradesco será notificado para apresentar defesa. Ao final da instrução processual, o Cade opinará pela condenação ou arquivamento. Depois, remeterá o caso para julgamento pelo Tribunal Administrativo do Cade, responsável pela decisão final.

Enfim, gostou da notícia?

Então, siga Seu Crédito Digital no Google News. Receba em primeira mão notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Artigo elaborado com informações da Assessoria de Imprensa do Cade.

Banco digital do Flamengo será lançado este mês pelo BS2

Banco digital do Flamengo

Banco digital do Flamengo será lançado em maio pelo BS2. Os próximos passos da parceria entre o banco digital BS2 e o Flamengo serão dados agora em maio. A instituição financeira ganhou notoriedade logo após anunciar o patrocínio com o clube de maior torcida do país e conseguiu a marca de 200 mil downloads após a parceria ser anunciada.

É provável que você também goste:

Vantagens em abrir a conta digital gratuita BS2 Flamengo.

Modelo de cartão de crédito do Flamengo é anunciado pelo Banco BS2.

Banco digital BS2 é anunciado como patrocinador master do Flamengo.

Banco digital do Flamengo: estimativa é mais 200 mil contas abertas até o final de 2019

A estimativa da empresa é que outras 200 mil contas sejam abertas até o final de 2019. Entretanto, a projeção é até modesta, segundo Rudy Cordeiro, diretor de TI do BS2. Isso porque ele entende que a paixão futebolística do torcedor pode trazer ainda mais para a marca.

Além disso, o executivo ainda explicou que em dias de jogos do Flamengo pelo Campeonato Carioca, alguns canais da BS2 tiveram pico de acessos 60 vezes superior a um dia normal.

App

“Nós entregamos um app direcionado para o Flamengo em dias. Na prática, é a oferta do banking digital e DTVM (investimentos), customizado para clube e torcedor. O look and feel (design), a linguagem e a tela, são do Flamengo”, disse Cordeiro. “A ideia é ofertar o que nós ofertamos no hub do BS2, mas teremos produtos exclusivos. Como um fundo de investimento para o torcedor investir no Flamengo”.

Futuro próximo para o Banco BS2

Além do lançamento da plataforma para o clube carioca, o BS2 deverá adicionar produtos de seguros (residencial, vida e saúde) até o fim do primeiro semestre de 2019. Já em relação a parte de suporte, que hoje é feito via chat, telefone e e-mail com atendentes humanos, o app ganhará, em breve, um chatbot com atendimento via plataforma da Salesforce.

Gostou da notícia sobre o banco digital do Flamengo?

Então, siga Seu Crédito Digital no Google News. Receba em primeira mão notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Fique atento: App do C6 Bank, concorrente do Nubank, será liberado neste mês

App do C6 Bank

O C6 Bank está próximo de ser lançado oficialmente. No entanto, por enquanto o banco digital liberou em seu site uma página de cadastro para interessados em abrir uma conta. Os convites para testar o app do C6 Bank começarão a ser enviados neste mês, sendo que, no mesmo período, o app também será liberado para smartphones.

É provável que você também goste:

C6 Bank lança pedido de convite do app.

Colocar CPF na nota fiscal aumenta pontuação do score e ajuda a ter crédito?

Fique atento: app do C6 Bank, concorrente do Nubank, será liberado neste mês

“Se você gosta de testar tudo antes de todo mundo, já pode se inscrever para abrir uma conta e experimentar a versão beta do C6 Bank”, diz a publicação nas redes sociais do banco. Segundo a instituição financeira, o objetivo do período de testes do app do C6 Bank é que os usuários façam as críticas e sugestões e, com isso, melhorar a experiência no uso do app. Ou seja, tudo isso é para ajustar melhorias para o momento do lançamento oficial.

O C6 foi fundado em 2018 por três ex-sócios BTG, sendo que ele é controlado por Marcelo Kalim. A autorização do Banco Central para operar, no entanto, foi feita para janeiro deste ano.

Você tem interesse em testar o app do C6 Bank?

Peça o seu convite por aqui.

O banco tem uma proposta de oferecer serviços bancários de baixo custo para pessoa física, jurídica e microempreendedores. Além disso, a estratégia do banco é oferecer tudo isso de forma digital. Por fim, o site da instituição financeira ainda diz que “serviços como saques e transferências são básicos e não deveriam ser cobrados”.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim, acompanhe artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Será que o cartão Pag vale a pena? Tire aqui as suas dúvidas!

cartão Pag vale a pena

O Pag! é um cartão gratuito e conta digital, através do qual você pode enviar DOC e TED sem pagar nada por isso, além de saques gratuitos e ilimitados nos caixas eletrônicos da rede Banco24Horas. Ao ser aprovado, automaticamente você tem acesso a uma conta digital com todas essas vantagens e um cartão de crédito sem anuidade e isento de taxas. Entretanto, será que o cartão Pag vale a pena? Tire todas as suas dúvidas aqui neste post e decida.

Será que o cartão Pag vale a pena? Tire aqui as suas dúvidas!

A fintech Pag! faz parte do Grupo Avista, grande grupo com mais de 20 anos de atuação no Brasil. A fintech alia toda essa experiência, credibilidade e transparência à praticidade do acesso a serviços financeiros online. O cartão Pag! é um emissor, administrador e gerador de cartão de crédito gratuito, que não cobra anuidade e quase nenhuma taxa.

É um cartão gratuito que você pode enviar DOC e TED sem pagar nada por isso. Mais recentemente, passou a permitir transferências entre usuários. E aí, será que o cartão Pag vale a pena?

Cartão Pag vale a pena?

Será que o cartão Pag vale a pena? Confira as vantagens

Quando você é aprovado, tem direito a um cartão de crédito e uma conta digital gratuita. Uma grande vantagem é a possibilidade de fazer TEDs gratuitos e ilimitados. Você também pode fazer saques gratuitos nos caixas eletrônicos da rede Banco24Horas.

Outra coisa muito importante é o fato dele ser um cartão de crédito internacional e na bandeira MasterCard. Automaticamente você participa do MasterCard Surpreenda, onde você ganha 1 ponto a acada compra efetuada no cartão, independentemente do valor da sua compra. Ao juntar 5 pontos, você compra um produto e ganha dois. É necessário dar uma boa verificada como funciona. Você pode ver aqui.

Problemas

A conta digital não recebe transferências, você consegue fazer isso somente através de um boleto. Além disso, a avaliação do aplicativo não é muito boa. Tem algumas reclamações, como a dificuldades em criar nova senha.

Pag vale a pena? Google Play Store

A nota na Google Play Store é 3,4 e a maioria das reclamações mais recentes refere-se a falhas no funcionamento do aplicativo.

Pag vale a pena? App Store

Na App Store, a avaliação é pior ainda. A nota atual é de 2,6 e a maior parte das reclamações é em relação à funcionalidade do aplicativo, bem como a impossibilidade em alterar telefone e e-mail. Todavia, de acordo com informações do Pag!, este problema já foi solucionado.

Pag vale a pena? Reclame Aqui

O Pag! possui uma boa avaliação no site Reclame Aqui. Atualmente, a nota é 7.8, e grande parte das reclamações refere-se ao atraso na entrega dos cartões.

Infelizmente, uma outra situação que recentemente começou a ocorrer, foi a clonagem de cartões de crédito, que inclusive já relatamos aqui no nosso site.

Como solicitar

Caso tenha interesse, baixe o app Meu Pag! na GP e AI. Você terá que informar seu CPF, nome completo, número do celular. Neste momento, você recebe um código de verificação por SMS. Na sequência, basta informar o código recebido. Portanto, você então informa seu e-mail e também o verifica. Caso seja aprovado, você receberá um SMS e um e-mail informando-o.

Será que o cartão Pag vale a pena?

Ele é um cartão de crédito internacional na bandeira MasterCard, sem taxa de emissão, sem anuidade, com conta digital incluída (DOCs e TEDs ilimitados e gratuitos), sem cobrar praticamente nada por isso. Quando o aplicativo melhorar, a tendência é que o serviço melhore consideravelmente.

A única preocupação é em relação a fraudes relacionadas ao cartão. Contudo, tudo indica que agora deu uma parada nesta situação.

E aí, o cartão Pag vale a pena mesmo? Realmente, trata-se de uma opção muito boa de cartão de crédito, e podemos compará-lo tranquilamente com o Nubank, pois ele é mais uma opção de cartão de crédito sem anuidade associado a uma conta digital gratuita. Por fim, caso você tenha sido reprovado no Nubank, ou caiu na lista de espera, é uma opção a se considerar, certamente.

Enfim, gostou da notícia?

Então, é só nos acompanhar nas redes sociais como o FacebookTwitter, e Instagram. Portanto você estará sempre atualizado sobre o mundo financeiro digital.

Afinal, como ganhar mimos do Nubank e do Banco Inter?

Tanto o Nubank quanto o Banco Inter tem o costume de enviar mimos aos seus clientes. O Nubank é muito amado pelos brasileiros, muito em função do seu cartão de crédito roxinho, Entretanto, o Banco Inter não fica muito atrás, e também frequentemente envia seus kits de brindes para os melhores clientes. Portanto, saiba aqui neste post o que fazer para ganhar mimos do Nubank e Banco Inter.

É provável que você também goste:

Crédito negado? Nubank dá limite de R$ 50,00 a quem não é aprovado

Clientes do Banco Inter denunciam golpes em suas contas.

Nubank é vinculada ao FGC, será que lançará um banco completo para concorrer com Banco Inter?

Afinal, como ganhar mimos do Nubank e do Banco Inter?

Mimos do Nubank

Como já falamos anteriormente, para ganhar mimos do Nubank, basta seguir várias estratégias. Ou seja, sendo um bom cliente, pagando as faturas em dia, conversar bastante pelo chat, tendo visibilidade na internet e sendo um NuLeader da NuCommunity. Caso queria conferir, leia este artigo aqui, em que reunimos 4 maneiras infalíveis para ganhar os mimos do Nubank.

Mimos do Banco Inter

vantagens do empréstimo do Banco Inter

O Banco Inter, por outro lado, costuma enviar mimos para os seus melhores clientes. Ou seja, se você investir pelo menos R$ 5.000 no banco, já estará participando.

Outras situações para se ganhar um brinde, são em ocasiões especiais, como ter um bom relacionamento com o banco ou na data de aniversário. Os brindes podem ser copinho, cofrinho, boné, entre outros. Para melhor entendimento, confira este artigo completo que publicamos aqui no site Seu Crédito Digital.

Considerações finais

Resumidamente falando, ser um bom cliente é fundamental em ambas situações. Tanto o Nubank quanto o Banco Inter costumam enviar brindes para bons clientes. Aliás, você pode optar em ter ao mesmo tempo as duas contas digitais. A conta de pagamento do Nubank e a conta digital do Banco Inter. Tente utilizar bastante o seu roxinho e sempre que puder, faça aplicações na conta digital do Banco Inter.

E você, tem mais alguma dica que faltou colocar aqui neste post? Deixe seu comentário logo abaixo.

Enfim, gostou da notícia?

Então, é só nos acompanhar nas redes sociais como o FacebookTwitter, e Instagram. Portanto você estará sempre atualizado sobre o mundo financeiro digital.

Diretor do Banco Inter diz que LCI tem vantagem sobre CDB

LCI tem vantagem sobre CDB

O Canal Econoweek conversou com o diretor de investimentos do Banco Inter, Rafael Rodrigues, para saber mais a respeito da dúvida de que muita gente sobre o que vale mais a pena investir: se CDB ou LCI.

Diretor do Banco Inter diz que LCI tem vantagem sobre CDB

Primeiramente, no entanto, é preciso compreendermos que CDB é um título que os bancos emitem para ser possível captar recursos para os próprios bancos. Ou seja, o cliente “empresta” dinheiro para o seu banco e ganha uma recompensa em juros neste investimento. Em contrapartida, as LCIs possuem uma finalidade mais específida, que é captar recursos para o setor imobiliário.

É provável que você também goste:

Nubank é vinculada ao FGC, será que lançará um banco completo para concorrer com Banco Inter?

Clientes do Banco Inter denunciam golpes em suas contas.

Banco Inter promete devolver metade das taxas de aplicações de fundos.

Uma das principais vantagens da LCI em relação ao CDB é que a incidência do imposto de renda se dá apenas no CDB, e nas LCIs há isenção de 100%.

Isso significa que não podemos comparar apenas as remunerações que nos são apresentadas. Ou seja, precisamos também calcular o desconto do imposto de renda para o período do investimento antes de fazer a comparação. Assim, será possível decidir qual é o melhor investimento.

FGC

Ambas aplicações são cobertas pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC). Ou seja, se o usuário investir até R$ 250 mil, o investimento estará 100% protegido.

Dica LCI tem vantagem sobre CDB

Por fim, o diretor do Banco Inter disse que na instituição financeira, normalmente, as LCIs levam uma vantagem adicional para investimentos de 180 dias.

Outro vídeo para esclarecer a diferença entre LCI e CDB

O Banco Inter já fez um vídeo em seu canal oficial sobre a diferença entre LCI ou CBD, confira:

Enfim, gostou da notícia?

Então, é só nos acompanhar nas redes sociais como o FacebookTwitter, e Instagram. Você estará sempre atualizado sobre o mundo financeiro digital.

Via Estadão.