O CPF na nota fiscal serve para que os governos estaduais controlem a tributação fiscal do comércio, o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) e ainda para combater a sonegação de impostos. Além disso, ajuda na luta contra a pirataria, pois incentiva a responsabilidade das empresas com a população. Entretanto, será que colocar o CPF na nota fiscal aumenta o seu Score e ajuda a conseguir crédito? Tire as suas dúvidas aqui neste artigo.

É provável que você também goste:

Por que o Score da Serasa e da Boa Vista são diferentes?

A Nike está dando 3 mil tênis e camisetas grátis pelo seu aniversário?

PagBank: conta grátis com cartão ZERO anuidade e empréstimo até 3 vezes mais barato

Colocar o CPF na nota fiscal aumenta o Score e ajuda a ter crédito?

Estados que têm programa de CPF na nota fiscal

  • Rio Grande do Sul;
  • São Paulo;
  • Maranhão;
  • Rio de Janeiro;
  • Alagoas;
  • Minas Gerais;
  • Bahia;
  • Pará;
  • Piauí
  • Amazonas;
  • Ceará;
  • Sergipe;
  • Rio Grande do Norte;
  • Rondônia;
  • Paraná;
  • Distrito Federal.

Muitos consumidores possuem a dúvida se colocar o CPF ajuda de fato a aumenta o score de crédito. Vamos à resposta?

Colocar CPF na nota fiscal aumenta pontuação do score e ajuda a ter crédito?

Infelizmente, essa informação não procede, pois o CPF na nota fiscal não está entre as informações utilizadas no cálculo do Serasa Score e do Boa Vista Score. Ou seja, colocar o seu CPF na nota não vai melhorar a sua pontuação. Contudo, existem alguns benefícios em colocar o CPF na nota, confira logo a seguir.

Descontos no IPVA ou IPTU

Em alguns estados, ao acumular notas fiscais, gerará abatimento de até 10% no IPVA do ano seguinte. Em outros estados o desconto é no IPTU. Portanto, pesquise sobre o seu estado e confira qual é o desconto disponível.

Prêmios

Além disso, quem coloca o CPF na nota, participa de sorteios de prêmios que vão de R$ 5 mil até R$ 1 milhão. Esses sorteios são realizados mensalmente. Ou seja, quanto mais notas você colocar o seu CPF, maior será a chance de faturar o prêmio.

Resgate

Alguns programas espalhados pelo país, permitem que, a cada seis meses, o consumidor resgate crédito acumulados, como recarga de celular ou até troca em ingressos para shows.

Enfim, gostou da matéria?

Então, siga o nosso canal do YouTube

, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem: TierneyMJ via shutterstock.com