Ao longo desta semana, a Caixa Econômica Federal vai começar a liberar novas parcelas do auxílio emergencial. Na quinta-feira (17), vai começar o calendário de pagamento do Bolsa Família. Os primeiros a receber serão os que têm Número de Identificação Social (NIS) de final 1. Neste caso, o banco já vai permitir o saque da primeira parcela extra de R$ 300. Confira o calendário completo e programe-se.

É provável que você também goste:

Pix vai permitir saques em padarias, supermercados e outros estabelecimentos comerciais.

PIS-Pasep 2020-2021: abono salarial começa a ser pago nesta terça-feira (15)

Bradesco lança a carteira digital BITZ para concorrer com o Iti, do Itaú Unibanco

Confira o calendário de pagamentos da semana para o auxílio emergencial

Na sexta-feira (18), será a vez de quem tem NIS de final 2, e assim por diante, até 30 de setembro, quando receberão aqueles com NIS de final 0. Enfim, cabe ressaltar que os beneficiários do Bolsa Família não precisam movimentar o dinheiro pelo Caixa Tem. A retirada é imediata, com o cartão original do programa social. Para o saque, podem recorrer também às casas lotéricas e aos correspondentes Caixa Aqui.

Outros trabalhadores

Também no dia 17, os trabalhadores nascidos em dezembro, que não estavam no Cadastro Único e tiveram que se inscrever pelo aplicativo Caixa / Auxílio Emergencial ou pelo site caixa.gov.br vão poder retirar em dinheiro uma parcela do auxílio (depositada em 26 de agosto).

Entretanto, este pagamento ainda é referente ao ciclo 1. O valor ainda será de R$ 600.

Na quarta-feira (16) a Caixa vai depositar o benefício para os nascidos em junho. Na sexta-feira (dia 18), será a vez de creditar R$ 600 para quem faz aniversário em julho. Nesses casos, os saques só estarão liberados no dias 6 e 8 de outubro, respectivamente.

Por fim, todos os pagamentos já fazem parte do ciclo 2.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter e Instagram. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc.

Imagem: Adao / Shutterstock

Sobre o Autor

Eduardo Mendes

Cofundador

Sou um entusiasta da tecnologia, que também aprecia inovação, empreendedorismo, além de Fintechs e as suas facilidades. Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. CoFundador do site Seu Crédito Digital.

Ver todos os artigos