Apesar da crise ter afetado muitas startups, o PicPay não é uma delas. Por mais que esteja trabalhando em regime home office, a empresa segue a todo valor. Além disso, o PicPay é uma das fintechs que mais vêm crescendo nos últimos anos. O aplicativo de pagamentos, agora, lançou mais uma novidade: os empréstimos para pessoas físicas do PicPay.

É provável que você também goste:

Parceria entre a Caixa e empresas de maquininhas vai possibilitar crédito a microempresas

Caixa prepara o calendário para novo saque do FGTS em junho de R$ 1.045

Lockdown em São Paulo entrará em vigor na primeira quinzena de junho?

Ademais, com o anúncio do alcance de mais de 20 milhões de usuários, a startup também anunciou outras mudanças, principalmente em relação ao crédito pessoal. Confira, a seguir, como vai funcionar o empréstimo para pessoas físicas do PicPay dentro da plataforma, quais são as condições para fazer uso do serviço e como solicitá-lo por meio do aplicativo. Então, continue a leitura!

Como funciona o empréstimo para pessoas físicas do PicPay

O PicPay anunciou duas novidades: a primeira é a entrada no segmento dos cartões de crédito, que deve acontecer em breve. A segunda é o empréstimo para pessoas físicas do PicPay, colocando a startup no mercado do crédito pessoal. De acordo com o CEO da empresa, a ideia é criar unidades de negócios para reunir as duas soluções.

Dessa forma, a novidade reforça a estratégia do PicPay de oferecer serviços cada vez mais abrangentes aos seus usuários em uma única plataforma. Plataforma, essa, baseada em pagamentos à distância, como o uso de QR Code, por exemplo. Para liderar a equipe desenvolvedora dos novos produtos, foi reunido um grupo com mais de 100 pessoas.

Quando serão lançados os novos serviços?

A expectativa, segundo o PicPay, é que a estreia oficial no mercado de crédito, com os empréstimos para pessoas físicas, seja em junho de 2020. Aliás, o projeto já está em fase de ajustes de prazos, taxas e demais condições para seu funcionamento. As primeiras operações foram iniciadas na última semana.

Entretanto, entrar no mercado de crédito neste momento pode, também, ser um risco. Sobre isso, a fintech garantiu que a oferta vai seguir o modelo adotado nos outros produtos PicPay, ou seja, com o financiamento e a gestão de risco vindo de seus parceiros.

Quanto aos cartões de crédito, a PicPay iniciou os testes do produto ainda em janeiro. Assim, em parceria com o Banco Original, a empresa trabalha para que o produto também não tarde a se tornar realidade.

Como solicitar os empréstimos para pessoas físicas do PicPay?

Como os produtos ainda estão em fase de ajustes, a data para o lançamento dos serviços não foi definida, embora esteja prevista para junho. É claro que, com a crise do novo coronavírus, tudo pode mudar, mas a expectativa ainda se mantém para esta data.

Enquanto isso, quem deseja se tornar um usuário PicPay, pode aproveitar para fazer sua conta diretamente pelo aplicativo, aproveitando todos os outros recursos que a plat

Enfim, gostou da matéria sobre empréstimos para pessoas físicas do PicPay?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem destacada: Brenda Rocha / Shutterstock.