Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Servidores da Dataprev do Ceará entram em greve e isso pode afetar novo auxílio emergencial

Empresa garante que não haverá impactos

0

Na última segunda-feira (08/03), os funcionários da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev) iniciaram uma greve no estado do Ceará. No total, 5 dos 7 estados em que a empresa opera participaram do movimento. A instituição é responsável por processar pagamentos de benefícios, como o Auxílio Emergencial e do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

É provável que esta paralisação atinja o desenrolar dos pedidos de benefícios no INSS, como também da distribuição de seguro-desemprego e também do novo lote do auxílio emergencial, no qual está em discussão pelo Governo.

No entanto, a empresa comentou que não haverão impactos e que se mobilizou com o intuito de garantir que os seus serviços tenham continuidade, sem riscos de atrapalhar o andamento dos benefícios.

É provável que você também goste:

Paulo Guedes confirma valores do auxílio emergencial para R$ 175, R$ 250 e R$ 375

Confira a lista de quem está excluído do Novo Auxílio Emergencial

Sobre a greve da Dataprev

Os trabalhadores vêm pedindo à Dataprev melhorias no acordo coletivo de trabalho, realizado no ano passado. A classe comenta que, além de não ocorrer o reajuste salarial em 2020, a instituição encerrou o contrato que tinha com o plano de saúde Geap no final do mês de fevereiro.

Antonio Neto, presidente da Sindpd, se reunirá com a empresa para fazer a definição do percentual de funcionários que precisarão prestar serviços e que não podem entrar em greve, nesta quarta-feira (10).

No ano de 2020, 90% dos funcionários já haviam realizado uma greve,  enquanto os outros 10% ficaram em estado de contingência.

A Dataprev comentou que não pode adiar o acordo coletivo de trabalho, por o documento trazer cláusulas relacionadas com o convênio de saúde Geap. A empresa também diz que foi decisão apenas da Geap de não fazer a renovação do plano de saúde, e que ofereceu aos seus trabalhadores outras alternativas para assistência de saúde.

Quais foram os Estados que aderiram a greve além do Ceará?

De acordo com o sindicato, no Distrito Federal, os trabalhadores começaram a greve na terça-feira (9). Fora o Ceará, as atividades também foram suspensas no Rio Grande do Norte e na Paraíba.

Em São Paulo, está previsto para acontecer a paralisação nesta sexta-feira (12). Rio de Janeiro foi o único estado no qual não aderiu à greve.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitterInstagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

imagem: Diego Grandi / shutterstock.com

Comentários
Carregando...