Itaú é o primeiro banco privado a liberar empréstimo facilitado pelo Pronampe

- Publicidade -

O Itaú Unibanco já está liberando contratações do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe). Com isso, torna-se o primeiro banco privado a operar o programa, que tem o objetivo de destravar o acesso ao crédito às micro e pequenas empresas durante a pandemia.

É provável que você também goste:

Dia do comerciante: Carrefour promove divulgação gratuita de pequenos empreendimentos.

Governo paga novo abono salarial PIS/Pasep 2020. Confira o calendário

Renda Brasil vai pagar mais que o Bolsa Família, sendo possível receber 2 benefícios diferentes

Bradesco e OLX assinam parceria exclusiva para financiamento de imóveis 100% digital.

Itaú é o primeiro banco privado a liberar crédito facilitado pelo Pronampe

Os empréstimo do Pronampe começaram a ser liberados na quinta-feira (9). Entretanto, alguns empresários relataram instabilidades no sistema no início da operação. O banco informou que a oferta foi normalizada e as contratações seguem aceleradas.

A contratação do empréstimo está sendo realizada pelo app Itaú Empresas. De acordo com o Itaú, os empréstimos já somam mais de R$ 410 milhões. Além disso, segundo a instituição financeira, 2,8 mil micro e pequenas empresas acessaram o Pronampe no dia de lançamento do programa, o que totalizou R$ 410 milhões de crédito.

O Itaú acredita que o limite inicial de R$ 3 bilhões que recebeu pelo Pronampe pode se esgotar rapidamente se as contratações seguirem nesse ritmo.

Banco do Brasil e Caixa eram os únicos a oferecer o Pronampe

Até hoje, no entanto, os únicos banco a oferecer o Pronampe eram a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil.

Os dois bancos esgotaram a cota inicial recebida para o programa. Até porque eles eram os únicos do mercado a ofertar o crédito.

Vale lembrar que o Pronampe é a esperança de financiamento das micro e pequenas empresas que têm sofrido com o acesso ao crédito durante a pandemia do novo coronavírus. A Caixa e o BB receberam mais R$ 2,3 bilhões para que os empréstimos sigam sendo oferecido para as micro e pequenas empresas.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem: Brenda Rocha/Shutterstock.

Luiz Felipe Kesslerhttps://seucreditodigital.com.br/author/kessler/
Entusiasta de fintechs e tudo o que a tecnologia proporciona de facilidades em nossas vidas. Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Co-Fundador do site Seu Crédito Digital.
- Publicidade -

Mais Populares

Como voltar a ter direito ao saque emergencial do FGTS de até R$ 1045

Há algumas semanas, vários trabalhadores que teriam direito ao saque emergencial do FGTS de até R$ 1045 estão sendo surpreendidos ao tentar receber o...

Banco do Povo libera mais de R$ 70 milhões em crédito para MEIs e empreendedores informais

Por meio do Banco do Povo, o governo de São Paulo vai liberar mais R$ 70 milhões em microcrédito para auxiliar microempreendedores (MEI), produtores...

Nubank: Saiba como aumentar seu rendimento para 118% do CDI

A conta do Nubank está sempre evoluindo, e entre as mais recentes inovações, está a possibilidade de optar pelo Resgate Planejado, em fase de...

Empréstimo sem consulta ao SPC/Serasa: Como funciona a antecipação do FGTS

Com o objetivo de amenizar os impactos econômicos em virtude da pandemia do novo coronavírus, a Caixa Econômica Federal anunciou, no mês passado, uma...
- Publicidade -