Ninguém está livre de precisar de dinheiro, para reformar a casa, para trocar de carro, fazer aquela viagem dos sonhos, ou simplesmente para pagar as contas. E isso pode ser pior ainda, como ter restrições no CPF que impedem de se conseguir melhores taxas de juros. Se você está precisando de dinheiro, e tem restrições no seu nome, saiba qual a maneira mais vantajosa de se fazer um empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa aqui neste artigo.

É provável que você também goste:

Itaú agora permite comprar dólar e euro pelo app sem cobrança de tarifas.

Next chega a 1 milhão de clientes mas não pretende substituir bancos tradicionais.

Você sabia? MEI pode fazer microcrédito em bancos, cooperativas e fintechs.

Saiba qual a maneira mais vantajosa de fazer um empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa

Primeiramente, existem várias opções por aí para se fazer um empréstimo sem consulta. Algumas empresas disponibilizam essa possibilidade com relativa facilidade, mas com altas taxas de juros, como a Crefisa e a Simplic. Contudo, existem melhores opções de empréstimos.

Fazer um empréstimo sem consulta com garantia

Sem dúvidas, o melhor a se fazer é optar pelo fazer um empréstimo sem consulta com garantia. Isso porque a instituição financeira tem muito mais segurança de que vai receber o dinheiro, pois você deixará o seu salário (no caso do consignado), ou um bem em garantia para o banco.

Neste caso, o empréstimo consignado, o empréstimo com garantia de imóveis e o empréstimo com garantia de veículos são as melhores opções. Entretanto, é preciso procurar pela instituição que ofereça as menores taxas de juros, jamais aceite a primeira opção.

Outra modalidade de empréstimo que pode ser enquadrado como garantia, é o Penhor da Caixa, que inclusive você poderá obter maiores informações aqui neste artigo.

Dica de empréstimo

A fintech Bom Pra Crédito trabalha com empréstimo pessoal e com garantia de imóveis e de veículos. Através de um cadastro que pode ser feito diretamente no site, você será conectado a mais de 30 diferentes parceiros, e poderá decidir por qual deles optar.

Enfim, gostou do artigo?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter, Instagram. Assim, acompanhe nossas notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.