Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Mastercard vai permitir uso de nome social para transgêneros nos cartões

0

A Mastercard vai possibilitar que os seus clientes transgêneros usem os nomes de sua preferência nos cartões de débito e crédito. A empresa está desenvolvendo um projeto com bancos parceiros para lançar os cartões True Name. Saiba mais.

É provável que você também goste:

O dinheiro aplicado na NuConta, conta digital do Nubank, é realmente seguro?

Inadimplência no SPC e Serasa pode piorar ainda mais em 2019.

Empréstimo do Nubank é mais caro do que os de bancos tradicionais, como BB e Itaú.

Mastercard vai permitir uso de nome social para transgêneros nos cartões

Os cartões True Name permitirão aos clientes usarem o nome que quiserem sem exigir uma mudança em cartório. Ou seja, um processo que deve favorecer clientes transgêneros e não binários em particular. Foi o que disse Raj Seshadri, presidente de emissores da Mastercard nos Estados Unidos em comunicado na segunda-feira (17).

“O que estamos introduzindo é um cartão que representa um indivíduo como ele realmente é”, disse Seshadri em entrevista.

“É algo que deve ser acessível a todos da maneira que queiram, e não deve haver nenhum sofrimento nisso.”

Quase um terço das pessoas que mostraram identificações com nomes ou gêneros que não correspondem à sua aparência já relataram ter sofrido experiências negativas. Dentre elas, o assédio, disse a Mastercard.

Contudo, a rede da empresa não exige que os comerciantes validem o nome do titular do cartão. Ademais, o nome no cartão não ajuda a comprovar a segurança de uma transação, disse Seshadri. Inclusive, as transações por cartão de crédito sequer consideram essa informação no momento da validação.

Instituições Financeiras já adotam uso de nome social para transgêneros

Enfim, outras instituições financeiras já haviam lançado iniciativas nesse sentido. Em 2016, alguns bancos e administradoras de cartão de crédito passaram a permitir o uso do nome social em seus cartões, sem exigir que o nome de batismo tenha sido alterado em cartório.

No Nubank, as exigências burocráticas são as mesmas das feitas para clientes que usam o nome de registro civil. Ou seja, é necessário tirar uma selfie com o documento de identidade, dentro do próprio aplicativo do Nubank, e aguardar a liberação do cadastro.

É possível solicitar o nome social no cartão de débito e crédito em vários bancos. Por exemplo, no Banco Santander, Banco do Brasil e Itaú Unibanco, basta manifestar sua preferência diretamente com o seu gerente.

“A Mastercard ouviu a necessidade de privacidade e autenticidade dos transgêneros e não binários e criou uma ferramenta poderosa para melhorar suas vidas”, disse Zeke Stokes, diretor de programas do GLAAD, grupo de defesa LGBTQ, em comunicado. “Outras empresas devem seguir o mesmo caminho, trabalhando com membros da comunidade LGBTQ para criar produtos financeiros que reflitam suas verdadeiras identidades.”

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim continuará acompanhando artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Via O Globo

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.