Negativado no SPC e Serasa será ainda mais prejudicado com o Novo Cadastro Positivo?

prejudicado no Novo Cadastro Positivo

O Cadastro Positivo é um conjunto de dados em que informa a adimplência do consumidor. Até porque o mercado hoje já consegue saber se a pessoa está inadimplente. Entretanto, não consegue enxergar toda a história de crédito dele. Com o Cadastro Positivo, o consumidor passa a ser consultado de forma mais justa, pois as empresas conseguem avaliar todo o comportamento dele e não apenas uma conta que ele não conseguiu pagar. Mas será que negativado no SPC/Serasa será prejudicado no Novo Cadastro Positivo? É o que iremos investigar neste artigo, vamos lá?

É provável que você também goste:

Empréstimo pessoal do Banco Safra é sem consulta ao SPC e Serasa e não precisa ser correntista.

Ganhou benefício do INSS? Você poderá ter direito a ganhar dinheiro extra.

Novo Cadastro Positivo: mesmo quem está com o nome sujo no SPC e Serasa terá inclusão automática?

Como funciona o Cadastro Positivo?

Primeiramente, o Cadastro Positivo considera todas as contas que o consumidor paga, sendo que paulatinamente ele vai construindo um histórico de bom pagador.

Novo Cadastro positivo terá adesão automática

Antes, o Cadastro Positivo só tinha a inscrição feita pro quem tivesse interesse. Contudo, o presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei, no dia 8 de abril deste ano, que torna a adesão automática de pessoas físicas e jurídicas.

Inclusão de mais de 22 milhões de pessoas no crédito

Segundo estimativa do Serasa Experian, a adoção do novo processo vai injetar R$ 1,3 trilhão na economia do país. O que envolve a inclusão de 22,6 milhões de pessoas que hoje estão fora do mercado de crédito.

Redução das taxas de juros

Há expectativa de redução das taxas de juros para 74% das pessoas acima de 18 anos que já possuem acesso ao crédito devido ao ganho expressivo na qualidade da análise de risco.

Principal fator de avaliação sempre foi a inadimplência

O Cadastro Positivo veio para mudar o mercado de crédito. Isso porque as informações sobre inadimplência de um consumidor eram o principal fator de avaliação para os credores. Ou seja, para avaliar um histórico de pagamentos ou a capacidade de assumir novos compromissos dependia de informações que não estavam sendo facilmente acessíveis.

Isso significa que a análise de crédito mais completa era dificultada. Exatamente por isso que o crédito era mais caro, sendo que a restrição ao crédito era maior.

Com o Cadastro Positivo, o histórico de contas pagas será considerado e poderá ser utilizado pelo bureaux de crédito, para calcular pontuações ou scores de crédito.

Negativado no SPC e Serasa será ainda mais prejudicado com o Novo Cadastro Positivo?

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a mudança no Cadastro Positivo poderá também trazer benefícios, segundo um estudo realizado pela Serasa Experian, para quem está negativado. A avaliação foi feita sendo baseada em modelos estatísticos de score. Ela ainda indicou quais as regiões do país a população negativada seria mais impactada positivamente.

O Nordeste ficou em primeiro lugar com 50% da população adulta negativada sendo beneficiada. Em seguida aparecem: Sudeste (49%), Centro-Oeste (46%), Norte (44%) e Sul (44%).

Portanto, com a adesão automática do Cadastro Positivo, fica mais fácil para as empresas de crédito conseguirem traçar o seu perfil como consumidor. Ou seja, apesar de que você possa ter atrasado ou deixado de pagar alguma conta, você é responsável com várias outras. Isso, sem dúvida, poderá ajudar o consumidor em negociações de crédito com instituições financeiras.

Enfim, gostou da notícia sobre se negativado será prejudicado no Novo Cadastro Positivo?

Então, siga Seu Crédito Digital no Google News. Receba em primeira mão notícias sobre bancos digitais, crédito e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Fonte: Serasa Experian.

Sobre o autor Ver Posts Author website

Luiz Felipe Kessler

Graduado em Administração de Empresas pela UFRGS.

Entusiasta de fintechs e tudo o que a tecnologia proporciona de facilidades em nossas vidas.

Fundador dos sites Seu Crédito Digital, Conexão Estudante e do Optclean Tecnologia.

Comentários no Facebook