Consumidores de poder aquisitivo maior não serão aprovados no Nubank

poder aquisitivo maior

O Nubank prioriza, sobretudo, clientes de média e baixa renda e não pretende lançar, por agora, produtos para consumidores com poder aquisitivo maior. Até porque o custo da operação não justificaria o investimento nesse tipo de perfil, segundo Cris Junqueira, vice-presidente da fintech.

Clientes com poder aquisitivo maior são caros para a fintech

“O cliente (com cartões) ‘black’ , com poder aquisitivo maior, são caros para nós”, afirma a executiva. “É difícil tirá-los dos bancos nos quais já estão, porque esses clientes, sim, são bem tratados”, explicou Cris.

Leia também:

Quais as vantagens e diferenças do Nubank Platinum e Nubank Gold.

Itaú lança cartão de crédito digital Credicard Black para cliente de alta renda.

Vantagens em antecipar a parcela do Nubank.

A missão do Nubank, atualmente, é conquistar clientes “platinum”, de renda entre média e alta. Para conquistar esse público, a fintech criou o plano de recompensas Nubank Rewards, lançado em 2017. Ele foi lançado para atrair consumidores que pagam altas taxas de anuidade em troca de pontos maiores nos programas de fidelidade.

“Sabemos que conseguimos lançar um serviço que é o melhor do mercado. Pontos não expiram, não há restrições para uso em passagens, não há restrições para transferência de pontos”, afirma Cris.

O Nubank também planeja abrir o Nuconta para todo o mercado. A conta corrente da empresa foi lançada em 2017, mas está ainda em fase de testes. Sabemos que o produto ainda não está completo”, diz a executiva. “Ele ainda está em fase de testes apenas para clientes dos cartões”, afirma.

O Nubank foi criado em 2013 como uma alternativa aos bancos tradicionais que oferecem cartões de crédito com cobrança de anuidade. O sucesso da empresa já fez alcançar 4 milhões de clientes. Agora a expectativa dos executivos é a aprovação da lei do Cadastro Positivo para atrair mais clientes.

“Muitos não possuem holerites, têm dificuldades para comprovar renda. Então, barramos pessoas que não devem ser barradas”, afirma Cris. “Com o cadastro positivo, isso poderá nos ajudar a filtrar melhor e incluir esse consumidor”, conclui a vice-presidente do Nubank.

Gostou da notícia?

Então nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram para continuar acompanhando artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Fonte: Istoé.

Sobre o autor Ver Posts Author website

Luiz Felipe Kessler

Graduado em Administração de Empresas pela UFRGS.

Entusiasta de fintechs e tudo o que a tecnologia proporciona de facilidades em nossas vidas.

Fundador dos sites Seu Crédito Digital, Conexão Estudante e do Optclean Tecnologia.

Comentários no Facebook