Itaú lança cartão de crédito digital Credicard Black para cliente de alta renda

O Itaú lançou esta semana a versão Credicard Black, cartão de crédito 100% digital. O cartão dá até 5 pontos por dólar gasto e tem o foco em consumidores de alta renda. No entanto, um dos pontos em que o diferenciam é que não há remuneração mínima necessária para solicitar o produto. Até porque os bancos costumam exigir uma remuneração mínima e alta aos clientes que desejam ter um cartão black.

O cartão Unique Black Santander e o Bradesco Mastercard Black, por exemplo, exigem renda mínima mensal de 20 mil reais. Já o Banco do Brasil não divulga a renda mínima para ter o Ourocard Mastercard Black.

Leia também:

Como conseguir o cartão sem anuidade Mastercard Black do Banco Inter.

Nubank Black, focado em alta renda, está próximo de ser lançado?

Banco do Brasil lança cartão de crédito digital para não correntistas.

Limite de crédito

O novo cartão de crédito tem um limite de crédito inicial de 7 mil reais. No entanto, o valor poderá ser maior dependendo da renda do cliente e do relacionamento dele com o banco.

Anuidade do Credicard Black

Mesmo que não seja preciso ter uma renda mensal mínima necessária para solicitar o Credicard Black, o cliente interessado terá que pagar uma taxa de anuidade elevada como as cobradas nos demais cartões black do mercado. O custo anual do cartão do BB é de 923 reais, já o Bradesco cobra 930 reais, o do Santander custa 870 reais e o custo do cartão do Credicard é de 780 reais.

“Mas existe a possibilidade de isenção de anuidade, baseada nos gastos no cartão. Nos três primeiros meses, os clientes usufruem o produto sem pagar nada. Se a média mensal de gastos for superior a 6 mil reais nesse período, a isenção de anuidade se mantém até completar um ano”. Explica Fabiano Dourado, diretor do Itaú. Portanto, o cliente ficará isento da taxa se gastar no mínimo 18 mil reais nos três primeiros meses de uso.

Programa de pontos

O cartão pode ser vantajoso para os consumidores que desejam acumular pontos com o cartão de crédito. A cada dólar gasto com serviços de streaming ou lojas de aplicativos ganha-se 5 pontos; em compras internacionais, 3 pontos; e em compras nacionais, 2 pontos.

“É um produto muito bom para quem gosta de acumular e usar pontos do cartão. O cliente que acessar o site da Credicard e fizer login, poderá usar um broker exclusivo para adquirir passagens aéreas com pontos, sem a necessidade de transferi-los para programas de milhas. Um comparador de passagens informa qual o preço em cada programa e auxilia na escolha da melhor forma de usar os pontos, que também podem ser trocados por produtos”, explica Dourado.

O consumidor que aderir ao novo cartão ainda terá benefícios como o uso gratuito da Sala VIP Lounge Mastercard Black no aeroporto de Guarulhos (SP), acesso a mais de mil salas VIP Lounge Key em aeroportos pelo mundo por 27 dólares, seguro-viagem e cashback para compras nos Estados Unidos em empresas parceiras como AVIS, Hilton e Bloomingdale’s.

O Credicard Mastercard Black, assim como o Credicard Zero, também oferece descontos para clientes que fazem compras em lojas parceiras como: Uber, Decolar, Netshoes, Zattini, FastShop, Magazine Luiza, Extra e Ponto Frio. No Uber, por exemplo, o cliente ganha uma corrida de 20 reais a cada dez corridas feitas no app. Nas lojas, os descontos são de até 40% para produtos específicos.

Por fim, o atendimento é feito pelo app, via chat e o pagamento da fatura também é feito online. Para quem tiver interesse em aderir ao cartão, o cliente não precisa ser correntista do Itaú e a solicitação pode ser realizada pelo próprio site da Credicard.

Fontes: InfoMoney e Exame.

Sobre o autor Ver Posts Author website

Luiz Felipe Kessler

Graduado em Administração de Empresas pela UFRGS.

Entusiasta de fintechs e tudo o que a tecnologia proporciona de facilidades em nossas vidas.

Fundador dos sites Seu Crédito Digital, Conexão Estudante e do Optclean Tecnologia.

Comentários no Facebook