Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Sequestradores usam Pix para tirar dinheiro das vítimas

Criminosos aproveitam de vulnerabilidade das vítimas para extorqui-las

0

Recentemente, em São Paulo, criminosos começaram a se aproveitar da nova ferramenta de transferência bancária, o Pix, para conseguir extorquir suas vítimas de maneira mais rápida e sem correr riscos.

Antes da existência do Pix, era comum que sequestradores levassem as pessoas até algum banco ou caixa rápido para fazer o saque do dinheiro, prática que abria possibilidade que de alguém interferisse e acionasse a polícia. Contudo, após a criação do mecanismo de transferências, utilizado cada vez mais pelos brasileiros, os bandidos conseguem tirar vantagens nesse aspecto e evitam confronto direto com as autoridades.

É provável que você também goste:

Bancos tradicionais cobram até R$ 10 por cada Pix

Os nascidos em agosto já podem atualizar os dados no Caixa Tem

Caixa libera crédito de até R$1.000 através do celular

Como agem os criminosos?

Os criminosos se aproveitam das pessoas em situações em que elas estejam vulneráveis, assim, conseguem faze-las de vítima para realizar o sequestro. Agindo de forma forma rápida, as levam para um cativeiro onde devem fazer a transferência do dinheiro.

Apenas em São Paulo, entre os meses de maio e dezembro do ano de 2020, ocorreram cerca de 383 sequestros relâmpago. Um total de 163 desses casos foram esclarecidos pela polícia, com 83 prisões realizadas.

A polícia comenta que, por ser um momento em que as vítimas sofrem uma violência física e psicológica, elas apenas cedem e passam rapidamente suas senhas para que possam se livrar o mais rápido possível da situação.

Recomendações feitas pela polícia

Os policiais fizeram a recomendação de que usuários da ferramenta Pix conversem com suas instituições financeiras, a fim de poderem estabelecer um limite para suas transações bancárias.

Dessa forma, se por infortúnio um dos clientes acabar por ser uma vítima, seu prejuízo financeiro poderia ser reduzido.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitterInstagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

imagem: BigNazik / shutterstock.com

Comentários
Carregando...