Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Congresso pode aumentar o valor do saque do FGTS acima de R$ 500

0

Na última quarta-feira (24), o governo anunciou a liberação de saques das contas do FGTS limitados a R$ 500. A divulgação das regras foram feitas pelo próprio presidente da república – Jair Messias Bolsonaro, pelo ministro da Economia – Paulo Guedes e por alguns membros do governo, como o presidente da Caixa e do Banco do Brasil. Acontece que alguns parlamentares argumentam que o valor é muito baixo, e pretendem aumentar o valor dos saque do FGTS.

É provável que você também goste:

Cartão de crédito da Apple está próximo de ser lançado.

Trabalhadores poderão antecipar saques anuais do FGTS.

Seja membro

Congresso pode aumentar o valor do saque do FGTS acima de R$ 500

Como as mudanças anunciadas pelo governo foram definidas através de uma medida provisória, precisa ainda ser aprovada no Congresso para que seja transformada em lei. As MPs precisam ser votadas tanto pelos deputados quanto pelos senadores em até 120 dias da sua publicação.

Congresso pode implementar mudanças na medida provisória

O presidente da Câmara – Rodrigo Maia (DEM-RJ), em entrevista ao Estadão, afirmou que o modelo de saque proposto pelo governo, embora que “correto” no curto prazo, ainda precisa ser discutido, para implementação em definitivo.

Alguns líderes dos partidos sinalizarm que devem propor algumas mudanças na medida provisória. José Nelto (Podemos-GO), afirmou ao Estadão que pretende sugerir o aumento do saque para R$ 1 mil por conta. De acordo com a proposta do governo, o limite é de apenas R$ 500.

Por outro lado, o Partido Novo, representado por Marcel Van Hattem (RS), tem uma proposta mais radical. Ou seja, com a devolução total do dinheiro aos trabalhadores. Entretanto, neste caso, a proposta esbarra no setor da construção civil. Isso porque poderia ser fortemente impactado caso fosse implementada essa proposta.

O presidente Jair Bolsonaro se posiciona sobre aumentar o valor do saque do FGTS

Hoje (26), o presidente Jair Bolsonaro foi abordado por jornalistas que o questionaram sobre aumentar o valor do saque do FGTS. Bolsonaro argumentou que se o Congresso conseguir demonstrar que não haverá impacto na construção de casas populares no Brasil, não há problemas em aumentar o valor.

“Nós pretendemos atender 82% das pessoas cujo saldo é R$ 500″… “Se, na ponta do lápis, eles falarem que não será atingida a construção de casas populares no Brasil, não tem problema, tá certo?”. Bolsonaro ainda completou: “”Depende deles mostrarem. E matemática não tem como fugir, né? Matemática, pelo que eu aprendi até hoje … dois e dois são quatro e ponto final”, disse o presidente em tom bem humorado.

O próprio presidente Jair Bolsonaro publicou na sua página do Facebook. Confira logo a seguir.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter, Instagram. Assim, acompanhe notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.