A partir desta sexta-feira (19), já será possível fazer a consulta no App para o saque emergencial do FGTS, pois a função deverá ser liberada pela Caixa. O benefício no valor de R$ 1045 deverá ser liberado pelo governo federal principalmente para amenizar os impactos econômicos causados pela pandemia do novo coronavírus. O depósito começara no dia 29 de junho e será escalonado conforme o mês de aniversário do trabalhador. Entretanto, transferências para outras contas e saque em espécie, estarão disponíveis apenas a partir do dia 25 de julho.

É provável que você também goste:

Queda da Selic: Rendimento da conta digital do Nubank ainda vale a pena?

MEIs precisam declarar Imposto de Renda de pessoa física para evitarem multa

Quem fizer o Saque Emergencial do FGTS vai poder fazer o Saque-aniversário?

Consulta do saque emergencial pelo App FGTS já pode ser feita nesta sexta-feira

A consulta já estava disponível no site da Caixa desde a última segunda-feira (15), mas nesta sexta-feira o app FGTS também poderá ser utilizado para a consulta do benefício. Além de conferir o valor a ser recebido, o trabalhador poderá também consultar a data de recebimento do FGTS. Além disso, tem a opção de não fazer o saque e também solicitar o retorno à conta do FGTS do valor que foi creditado automaticamente.

Quem tem direito ao benefício?

Muitos brasileiros ainda possuem dúvidas quanto ao benefício e a principal delas é se eles têm ou não direito a fazer o saque do FGTS. Como afirmado mais acima, os trabalhadores que possuem as contas ativas e inativas no FGTS terão o direito a sacar os R$ 1045. Mas atenção, o limite de saque é de R$ 1045, conforme estabelece a MP. Então, se o trabalhador tiver mais de uma conta, o valor será retirado das contas inativas, iniciando naquelas que tiverem o menor saldo. Depois, o dinheiro pode ser retirado de outras contas ativas, com início também por aquela que tiver menor saldo. Entretanto, o valor não pode passar dos R$ 1045.

Como deverá funcionar o saque emergencial do FGTS?

A partir do dia 29 de junho, o dinheiro estará disponível para ser movimentado no aplicativo Caixa Tem e, a partir do dia 25 de julho, estará disponível para saque e transferência para outros bancos, lembrando novamente que será feito conforme o escalonamento referente ao mês de aniversário.

Calendário do saque emergencial do FGTS (conforme mês de nascimento)

Janeiro – Uso Digital: 29 de junho – Saques e transferências: 25 de julho
Fevereiro – Uso Digital: 6 de julho – Saques e transferências: 8 de agosto
Março – Uso Digital: 13 de julho – Saques e transferências: 22 de agosto
Abril – Uso Digital: 20 de julho – Saques e transferências: 5 de setembro
Maio – Uso Digital: 27 de julho – Saques e transferências: 19 de setembro
Junho – Uso Digital: 3 de agosto – Saques e transferências: 3 de outubro
Julho – Uso Digital: 10 de agosto – Saques e transferências: 17 de outubro
Agosto – Uso Digital: 24 de agosto – Saques e transferências: 17 de outubro
Setembro – Uso Digital: 31 de agosto – Saques e transferências: 31 de outubro
Outubro – Uso Digital: 8 de setembro – Saques e transferências: 31 de outubro
Novembro – Uso Digital: 14 de setembro – Saques e transferências: 14 de novembro
Dezembro – Uso Digital: 21 de setembro – Saques e transferências: 14 de novembro

Como buscar informações sobre o saque emergencial?

  • Site do FGTS/Caixa neste link;
  • Ligando para o número 111, opção 2;
  • Pelo App FGTS, a partir desta sexta-feira (19 de junho);

A partir desta sexta-feira, os trabalhadores poderão obter as seguintes informações através do App FGTS:

  • Consultar o valor do saque emergencial;
  • Ver a data em que o valor será creditado na poupança social digital;
  • Optar por não fazer o saque emergencial;
  • Solicitar o desfazimento após o crédito automático.

Até quando será possível fazer o saque emergencial?

Como mencionado anteriormente, o dinheiro do benefício estará na poupança social digital a partir do dia 29 de junho. Caso o trabalhador não faça o saque do dinheiro até o dia 30 de novembro de 2020, o valor deverá ser devolvido para a conta FGTS, sem nenhum prejuízo ao trabalhador. Entretanto, se após essa data o trabalhador resolver fazer o saque emergencial, poderá fazer a solicitação pelo App FGTS até o dia 31 de dezembro de 2020.

Enfim, gostou da matéria?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem: Orlando Neto via Shutterstock

Sobre o Autor

Cássio Coelho

Redator

Redator do site Optclean tecnologia, Seu Crédito Digital e Co-Fundador do site Portal do Gremista. Entusiasta de tecnologia, internet das coisas e fintechs.

Ver todos os artigos