Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Economista americano acha que o Brasil deveria abolir o score de crédito para recuperar o crédito

Confira mais sobre o depoimento dado pelo especialista.

0

A pandemia vai tornar necessário que as instituições financeiras repensem a forma como fazem a análise de crédito no Brasil. Ao menos é o que diz o economista Dan Ariely, professor da Universidade de Duke, nos EUA, e responsável por essa visão. De acordo com ele, o crédito tem um papel fundamental nesse cenário para a recuperação das economias no médio e longo prazo. Sendo assim, consequentemente o score de crédito também tem um papel muito importante na mudança desse cenário.

Em entrevista ao portal Valor Econômico, o autor de livros como “Previsivelmente Irracional” e “A Psicologia do Dinheiro” criticou o sistema atual de avaliação de perfil de bom pagador das instituições, que se baseia em um histórico, chamado score de crédito. Segundo ele, após a pandemia e a crise econômica que paralisou setores inteiros, a fórmula não funciona mais.

É provável que você goste também

Consórcio Magalu tem vagas abertas em todo o Brasil. Saiba como participar

Atenção: último mês da Promoção Bateu Ganhou, do Santander

Ame Digital: como fazer empréstimo com cashback de até R$ 60 mil?

Economista americano acha que o Brasil deveria abolir o score de crédito

Pensando nisso, Ariely, ao lado de um colega pesquisador, também desenvolveu um novo modelo de previsão de capacidade de pagamento de dívidas sob o ponto de vista psicológico, que substituiria o score de crédito. Anteriormente, fintechs brasileiras já haviam utilizado o sistema em forma piloto para incluir pessoas desbancarizadas.

“Como forma de sair da [crise da] covid-19 com razoável estabilidade econômica, o Brasil tem de descobrir uma forma de conceder mais crédito”, afirmou Ariely durante a entrevista. “E o crédito tem de ir aos pequenos negócios, os motores do crescimento”.

Por fim, conforme o pesquisador, a pandemia mostrou que usar dados passados na previsão do comportamento futuro das pessoas também pode ser prejudicial. Segundo ele, as análises de risco feitas a partir do score de crédito excluem o acesso ao crédito aqueles que mais precisam, ou seja, grande parte dos pequenos e médios empreendedores afetados diretamente pela pandemia.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitterInstagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

- Publicidade -

Comentários
Carregando...