Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

PIS-Pasep: abono salarial começa a ser pago hoje, confira o calendário

0

Começa a ser pago nesta quinta-feira (25), o abono salarial 2019-2020 do PIS-Pasep, ano base 2018. Quem nasceu em julho e trabalha na iniciativa privada começa a receber pela Caixa Econômica Federal. No caso do Pasep, o pagamento começa para quem possui final de inscrição 0. Confira o calendário de pagamentos.

É provável que você também goste:

Trabalhadores poderão antecipar saques anuais do FGTS.

PicPay agora disponibiliza limite de crédito direto na conta.

Seja membro

Clientes de fora do BB podem fazer TED gratuita para pagamento do Pasep.

PIS-Pasep: abono salarial começa a ser pago hoje, confira o calendário

Primeiramente, no caso do PIS, que é voltado para trabalhadores da iniciativa privada, o calendário de pagamento considera o mês de nascimento. Contudo, para o Pasep, o que vale é o número final da inscrição, direcionado para servidores públicos.

Quem nasceu entre os meses de julho a dezembro e tem direiro ao PIS ou que possui número final de inscrição entre 0 e 4 no Pasep, recebe o benefício ainda em 2019. Todos os demais trabalhadores receberão o recurso somente no ano de 2020.

O valor do abono salarial pode chegar a no máximo um salário mínimo, o que equivale atualmente a R$ 998. O pagamento é realizado de forma proporcional. Ou seja, a cada um mês trabalhado em 2018, o trabalhador receberá 1/12 do benefício, da seguinte forma:

01 mês: R$ 84,00
02 meses: R$ 167,00
03 meses: R$ 250,00
04 meses: R$ 333,00
05 meses: R$ 416,00
06 meses: R$ 499,00
07 meses: R$ 583,00
08 meses: R$ 666,00
09 meses: R$ 749,00
10 meses: R$ 832,00
11 meses: R$ 915,00
12 meses: R$ 998,00

Todavia, tem direito ao abono salarial PIS-Pasep, todos que trabalharam inscritos no PIS-Pasep há pelo menos cinco anos. Além disso, é preciso cumprir alguns pré-requisitos. Ou seja, ter trabalhado pelo menos 30 dias em 2018, e que tenha recebido em média até dois salários mínimos por mês. Ademais, é necessário que o seu empregador tenha enviado os dados atualizados na Relação Anual de Informações Sociais – RAIS, ano base 2017.

Confira o calendário de pagamento do PIS, de acordo com o mês de nascimento:

  • Julho: 25/7/2019 – recebem até 30/6/2020
  • Agosto: 15/8/2019 – recebem até 30/6/2020
  • Setembro: 19/9/2019 – recebem até 30/6/2020
  • Outubro: 17/10/2019 – recebem até 30/6/2020
  • Novembro: 14/11/2019 – recebem até 30/6/2020
  • Dezembro: 12/12/2019 – recebem até 30/6/2020
  • Janeiro: 16/01/2020 – recebem até 30/6/2020
  • Fevereiro: 16/1/2020 – recebem até 30/6/2020
  • Março: 13/2/2020 – recebem até 30/6/2020
  • abril: 13/2/2020 – recebem até 30/6/2020
  • Maio: 19/3/2020 – recebem até 30/6/2020
  • Junho: 19/3/2020 – recebem até 30/6/2020

Pasep – dígito final do número de inscrição:

  • 0: 25/7/2019 – recebem até 30/6/2020
  • 1: 15/8/2019 – recebem até 30/6/2020
  • 2: 19/9/2019 – recebem até 30/6/2020
  • 3: 17/10/2019 – recebem até 30/6/2020
  • 4: 14/11/2019 – recebem até 30/6/2020
  • 5: 16/1/2020 – recebem até 30/6/2020
  • 6 e 7: 13/2/2020 – recebem até 30/6/2020
  • 8 e 9: 19/3/2020 – recebem até 30/6/2020

Como saber se tem direito

Informações sobre o PIS podem ser obtidas pelo telefone 0800-726-02-07 da Caixa. Enfim, o trabalhador pode fazer uma consulta ainda no site www.caixa.gov.br/PIS (precisa ter o número do NIS) ou no App Caixa Trabalhador (precisa ter o número do CPF). Informações sobre o Pasep podem ser obtidas pelo telefone 0800-729 00 01, do Banco do Brasil.

Como sacar

Para receber o PIS, o trabalhador deve se dirigir até os terminais de autoatendimento da Caixa ou até uma casa lotérica. Caso não possua o Cartão do Cidadão, pode receber o valor em qualquer agência da Caixa, mediante apresentação de documento de identificação.

Os servidores públicos que têm direito ao Pasep precisam verificar se houve depósito em conta. Contudo, caso isso não tenha ocorrido, precisam procurar uma agência do Banco do Brasil e apresentar um documento de identificação.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.