Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Projeto de lei pretende pagar meio salário mínimo para BPC, Bolsa Família e Cadastro Único

0

Tramita atualmente na Câmara dos Deputados um Projeto de Lei (PL) que cria o programa Renda Básica Universal. Conforme esse programa, pessoas de todas as idades em condição de vulnerabilidade social receberão uma renda mensal de meio salário mínimo. Além disso, o cidadão terá direito à Renda Básica Universal mesmo se já recebe outro benefício social, como BPC ou Bolsa Família. Confira mais detalhes nessa matéria!

É provável que você também goste:

Confira 6 opções de crédito fácil para momentos de crise

Vidas negras importam: Nubank cria vídeo publicitário em defesa dos negros

Projeto poderá transformar o Bolsa Família em um programa de renda mínima

Como é a proposta da Renda Básica Universal?

O PL 4856/19, de autoria do deputado Reginaldo Lopes (PT-MG), garante o benefício a pessoas de 0 a 64 anos cuja renda varie de nenhuma até a renda familiar de um salário mínimo per capita, conforme o caso. Idosos com 65 anos ou mais terão garantido o Benefício de Prestação Continuada (BPC) da seguridade social.

Reginaldo Lopes parte do princípio de que há um valor mínimo para a dignidade humana, que garante o acesso a educação, saúde, alimentação, lazer e empreendedorismo. “A renda básica não deve ser vista como algo que faça as pessoas se acomodarem, mas como um fator de segurança para que elas possam empreender”, explica o parlamentar.

Para financiar a Renda Básica Universal, Reginaldo Lopes apresentou outro PL propondo um imposto sobre grandes fortunas. Conforme o deputado, esse novo imposto traria equilíbrio fiscal e permitiria o pagamento da Renda Básica Universal.

Tramitação

O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Imagem destacada: rafastockbr, via Shutterstock.

Comentários
Carregando...