No próximo sábado, dia 11 de janeiro de 2020, estará liberada a consulta de informações no Cadastro Positivo. Em virtude da alteração nas normas do serviço, o governo estipulou um prazo para que os birôs de crédito disponibilizassem essas informações. São eles: Boa Vista, Quod, Serasa Experian e SPC Brasil.

É provável que você também goste:

Itaucard dá dicas certeiras para aumentar o limite do cartão de crédito

Como consultar seu novo score GRÁTIS e como sair do Cadastro Positivo

2 cartões de crédito para quem tem score baixo e que oferecem um bom limite.

Cadastro Positivo libera consulta dia 11. Consumidor pode ter 4 notas diferentes

A mudança no Cadastro Positivo tem como objetivo modernizar e reestruturar o serviço financeiro e de crédito no Brasil. De acordo com o presidente da Associação Nacional dos Bureaus de Crédito (ANBC), Elias Sfeir, a medida vai possibilitar a inclusão financeira de 45 milhões de brasileiros que não utilizam serviços bancários.

“O cadastro positivo deve contribuir, já no médio prazo, para um cenário de juros menores nos empréstimos e financiamentos”, ressaltou.

Enfim, estarão disponíveis para consulta apenas dados e notas de crédito das pessoas que foram previamente contatadas pelos birôs de crédito. Esses contatos estão sendo feitos há alguns meses, através de mensagem SMS ou e-mail.

É importante ressaltar que o consumidor poderá ter diferentes pontuações no Score de crédito em cada um dos birôs. Portanto, para saber o seu score, é preciso acessar os sites ou aplicativos e criar um login em cada um deles. A Quod possui site, enquanto que os demais birôs possuem tanto site quanto aplicativo (Android ou iOS).

Como funciona o Cadastro Positivo?

O Cadastro Positivo não é recente. Ele foi criado em 2011, mas foi reformulado e com nova lei, birôs de crédito podem ter acesso, sem autorização, a informações financeiras pessoais.

O Cadastro Positivo reúne diferentes informações de crédito e financeiras, como financiamentos, empréstimos e cartões de crédito. Através dele, o governo e as empresas pretendem reduzir o custo do crédito, favorecendo os bons pagadores.

Para ter acesso ao Cadastro Positivo individual, é necessário criar cadastros nos sites de cada uma das quatro operadoras. Em seguida, é necessário informar dados pessoais, como nome, CPF, telefone e e-mail.

O consumidor consegue verificar o seu histórico de crédito com diferentes instituições financeiras, bem como o seu Score de crédito, que poderá inclusive, ter 4 notas distintas, em uma pontuação que vai de 0 a 1.000, pois os critérios dos birôs de crédito são diferentes.

Enfim, gostou da matéria?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem: Olivier Le Moal via shutterstock.com