Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

MEI e empresários podem adiar pagamento do Simples por 3 meses

Receita Federal informou que o pagamento do Simples Nacional poderá ser prorrogado.

0

Na última quarta-feira (24), a Receita Federal informou que o pagamento do Simples Nacional poderá ser prorrogado. A medida vale tanto para os tributos federais, quanto para os estaduais e municipais do Simples Nacional. Dessa forma, os Microempreendedores Individuais (MEI) e as empresas do Simples Nacional, poderão adiar o pagamento dos impostos por três meses.

É provável que você goste também:

Alta do IGP-M: Confira 4 dicas para negociar o aluguel em 2021

Novos detalhes sobre o real digital são divulgados por Presidente do Banco Central

Paulo Guedes defende vacinação em massa para trabalhadores informais

Adiamento do pagamento do Simples Nacional

A medida que prorroga o pagamento do Simples Nacional inclui os meses de abril, maio e junho. Os tributos devidos desse período serão diluídos nos pagamentos a partir de julho de 2021. Ou seja, a quitação ocorrerá em seis parcelas, de julho até dezembro de 2021.

De acordo com o secretário da Receita Federal, José Tostes, essa medida deve beneficiar mais de 17,3 milhões de contribuintes. Ou seja, 11,8 milhões de Microempreendedores Individuais, e outros 5,5 milhões participantes do Simples Nacional.

O secretário afirma ainda, que esse adiamento vai postergar o pagamento de R$ 27,8 bilhões. Em suma, o objetivo de adiar o pagamento do Simples, será aliviar e dar fôlego aos brasileiros que são micro e pequenos empresários, bem como aos microempreendedores individuais.

Tostes explica que a decisão está alicerçada na ideia de dar condições a estes profissionais, para que os mesmos consigam superar este momento crítico. Além disso, espera-se que com essa ação, seja possível passar por cima das barreiras e impactos econômicos da pandemia.

O secretário-executivo Marcelo Guaranys afirmou que esse adiamento do pagamento do Simples, é uma forma de preservar postos de trabalho, bem como gerar renda.

Novo calendário

No que diz respeito ao pagamento de março/2021, o mesmo pode ser pago em duas parcelas iguais. Uma com vencimento em 20 de julho de 2021, e outra em 20 de agosto de 2021.

Com relação ao de abril/2021, pode-se parcelar os tributos em duas vezes. Uma com vencimento em 20 de setembro de 2021, e outra em 20 de outubro de 2021.

Já o pagamento referente à maio/2021, também pode ser pago em duas parcelas iguais, sendo uma em 22 de novembro de 2021, e outra em 20 de dezembro de 2021.

Enfim, o que achou da matéria?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTube, Facebook, Twitter, Instagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

imagem: rafapress / shutterstock.com

Comentários
Carregando...