Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Santander começa a oferecer financiamento de imóveis na planta

0

O banco Santander decidiu entrar no mercado de financiamento de imóveis na planta. A instituição já está negociando com construtoras para financiar a contratação das obras. A mais próxima é a Riva Incorporadora, que possui um empreendimento em São Paulo e outro em Belo Horizonte com 344 e 119 unidades, respectivamente.

Já o foco das futuras parcerias são empreendimentos que se encontram na faixa 3 do programa habitacional Casa Verde e Amarela (destinada a famílias com renda entre R$ 4 mil e R$ 7 mil) ou que estão inclusas no Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE).

É provável que você também goste:

Procon-RJ: Santander tem 4 dias para explicar propaganda inadequada

Como vai funcionar o financiamento no Santander?

De acordo com a divulgação, a taxa de juros será a partir de 9,49% ao ano mais Taxa Referencial (0,09% atualmente). A nova linha só poderá ser contratada nos empreendimentos parceiros do Santander.

Segundo Sandro Gamba, o executivo responsável pelos negócios imobiliários do Santander, a maior vantagem do financiamento será a clareza que o cliente terá ao fechar o acordo.

“Ele consegue tomar a decisão de compra com todas as informações na mesa. Sem o financiamento no lançamento, ele fica à deriva de cenários de crédito que podem ser alterados ao longo dos anos até a conclusão da obra. Caso não consiga aprovar o crédito na entrega do imóvel, precisar realizar o distrato do bem”

O Santander é o primeiro banco privado a oferecer a linha de crédito, antes disponível apenas pela pela Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Brasil. De acordo com Gamba, a novidade também busca trazer mais opções para os clientes em um segmento que teve uma forte alta nos últimos anos.

Além disso, o Santander vê como essencial aumentar a exposição ao crédito imobiliário. Em 2021, a concessão subiu 29%, a R$ 21,1 bilhões. Já a carteira física subiu 22%, para R$ 53,2 bilhões.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Alexander Raths / Shutterstock.com

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar

Fechar