Existem atualmente mais de 62 milhões de brasileiros negativados, de acordo com um recente levantamento do SPC Brasil. Infelizmente, nestes casos é muito difícil conseguir um cartão de crédito, pois a maioria das instituições financeiras negam o crédito. Isso porque é feita uma consulta aos bancos de dados do SPC Brasil, Serasa Experian e SCPC Boa Vista Consumidor. Primeiramente, há a possibilidade de utilizar cartões pré-pagos, mas dependem do saldo disponível na sua conta. Contudo, existe uma maneira muito simples de conseguir um cartão de crédito. É o cartão de crédito consignado. Saiba mais aqui neste post.

Leia mais:

BNDES pretende reduzir tempo de empréstimo de 181 dias para zero.

Finalmente: Caixa anuncia que zerou a taxa do Tesouro Direto.

Empréstimo do Banco Agibank é sem consulta ao SPC e Serasa.

Cartão de crédito consignado

Com um Cartão de crédito consignado, você pode utilizar normalmente na função crédito, dentro do valor estipulado na sua margem consignável. Ou seja, tudo o que você gastar, é descontado automaticamente do seu salário ou benefício, em forma de desconto em folha.

Entretanto, o cartão de crédito consignado é disponibilizado somente para quem é funcionário público, ou ainda aposentado ou pensionista do INSS. Ele tem uma grande vantagem, pois você nunca irá gastar mais do que o previsto naquele mês. Portanto, tudo que você utilizar dentro do seu limite disponível, é descontado diretamente no seu contracheque no mês seguinte.

Como conseguir um cartão de crédito consignado?

Se você é funcionário público, aposentado ou pensionista do INSS, existem várias opções disponíveis no mercado. Entre elas, você pode procurar pelo Banco BMG, Daycred, Banco PAN, Celetem, ou até mesmo o Banco Inter.

Ademais, existem outras opções. Existe uma Fintech que além de buscar empréstimos pessoais, com garantia de imóveis ou veículos, também disponibiliza uma busca por cartões de crédito. Funciona da seguinte forma: você efetua um cadastro no site, e eles conectam você a empresas que oferecem crédito no mercado. Tudo muito simples e sem burocracia.

E então, gostou da notícia?

Nos siga em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Acompanhe todas as nossas notícias e artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.